31/07/2013

Novo layout + Blog destaque + Envie sua fanfic

4 comentários: | |

Ooooooooooi Beliebers *-*
Ainda não vim postar o capítulo 28 de ILWMB, mas é por uma boa causa: estive editando o novo layout do blog. Ainda não está totalmente pronto, mas com o tempo eu vou arrumando.
Se tiver alguma coisa errada nele ou se vocês não souberem onde está algo, me avisem ok? c:
Lembram daqueles links "para beliebers", "famous on youtube", etc? Então, eles ainda estão no blog, lá em cima, embaixo do título do blog e do lado do slide ^^
O número 1 é o "Para Beliebers", o 2 é o "Quem escreve", o 3 é o "Famous On YouTube" e o 4 é o "Divulgação". Visitem essas páginas!

Também tenho duas novidades. A primeira é o Blog Destaque.
Estão vendo aquelas duas fotos do lado do slide? Então, aqueles são os blogs destaques. Toda semana eu vou escolher dois blogs para colocar ali. Para que o seu seja escolhido coloque o link na página de divulgação: clica. É só comentar lá ^^
Para o seu blog ter chance de ser escolhido ele não precisa ter um layout bonito, mas precisa ter fanfics de boa qualidade e com uma ortografia boa. Não adianta mandar aquele blog escrito de qualquer jeito, cheio de abreviações, erros de ortografia, etc, porque eu não vou colocar ok? :)

A outra novidade é a melhor, por isso deixei pro final haha
É o "Envie sua fanfic". Isso mesmo que você leu! Agora você vai poder postar suas fanfics aqui no blog \o/
Já vou avisando que é só fanfics com capítulos únicos para não fazer confusão.
Para postar sua fanfic/IB aqui leia essa página onde tem tudo explicado detalhadamente e envie sua fanfic *u*

26/07/2013

ILWMB: Capítulo 27 - Pattie will travel

20 comentários: | |


Atlanta - Geórgia, sábado, 8:30PM
Justin ficou comigo até eu me recuperar do choro, o que demorou vários minutos. Ninguém veio nos interromper, Jeremy deve ter falado para nos deixarem sozinhos e eu agradecia mentalmente por isso.
Justin: Está melhor? - Ele falou se afastando de mim e me olhando nos olhos.
Charlotte: Estou, muito obrigada. - Ele sorriu e selou nossos lábios rapidamente.
Justin: Não se preocupe com o Robert ok? Tudo vai dar certo. - Assenti sorrindo fraco e beijei seus lábios.
Por mais que ele pedisse para eu não me preocupar, por mais que ele falasse que tudo ia ficar bem, eu não conseguia acreditar, era óbvio que nada relacionado a nós ia dar certo. Eu podia ver nos olhos dele que ele também estava com medo, mas não queria demonstrar pra me passar segurança, só que não tava dando certo.
Olhei aquelas orbes castanhas mais uma vez e o abracei. Seria difícil ficar longe dele.
Justin: Vamos descer? - Ele perguntou e eu assenti. Justin segurou minha mão e a soltou quando chegamos na escada, para ninguém ver. Todos me olharam preocupados, mas eu apenas sorri tentando mostrar que estava tudo bem.
Eu sentei no chão junto com Jazzy e Jaxon e comecei a brincar com eles antes que todos viessem me fazer perguntas.
Caitlin: O que aconteceu, Char? - Ela falou baixo sentando ao meu lado junto com a Tracy.
Charlotte: Robert está me ameaçando. - Disse em um sussurro para as crianças não ouvirem ou elas poderiam contar pra alguém.
Tracy: Aquele filho da mãe... nós precisamos dar um jeito nele.
Charlotte: Não se envolvam ok? Deixa que eu resolvo isso. - Elas assentiram.
Tracy: Ainda acho que ele merece uma surra. - Eu e Caitlin rimos.
Maggie: O jantar está pronto. - Ela avisou e Christian e Chaz gritaram comemorando, fazendo todos nós rimos. Nós seguimos até a sala de jantar e nos sentamos. Justin, Chaz, Ryan e Christian ficaram o tempo todo fazendo gracinhas com Jazzy e Jaxon, fazendo todos nós rimos, como eles sempre faziam. Eu nem sei o que eu fiz pra merecer pessoas tão incríveis na minha vida.


[...]

Depois que todos foram embora, Pattie e Jeremy ficaram conversando enquanto caminhavam pelo jardim e eu fiquei na sala junto com as crianças e o Justin. Nós estávamos brincando com os brinquedos que eles tinham trago e Justin não parava de rir quando Jaxon passava com os carrinhos em cima das bonecas da Jazzy, fazendo ela ficar furiosa.
Jazmyn: Jaxon, para! - Disse emburrada.
Jaxon: Não! - Falou e mais uma vez passou seus carrinho por cima das bonecas dela, rindo junto com Justin depois.
Charlotte: Para de rir, Justin! Não tá certo o que ele está fazendo. - Dei um tapa forte nas costas dele, mas ele não pareceu sentir. - Jaxon, para com isso. Não é engraçado! - Falei um pouco alto.
Jaxon: Mas o Justin tá rindo.
Charlotte: O Justin tá rindo porque ele é um idiota. - Falei olhando pra ele, que já tinha parado de rir. - Pede desculpa pra Jazzy.
Jaxon: Não. - Falou cruzando os braços.
Justin: Pede desculpa pra ela logo, Jaxon. - Justin falou ríspido e ele assentiu, indo abraçar a irmã.
Jaxon: Desculpa Jazzy, eu não vou fazer mais. - Ela assentiu e os dois voltaram a brincar, como se não tivesse acontecido nada. Crianças...
Justin: Você tá muito mandona. - Ele falou próximo do meu ouvido, me causando um leve arrepio.
Charlotte: E você é um desnaturado, deixa seus irmãos brigando. - Ele riu.
Justin: Tava engraçado, admite. - Ri fraco.
Charlotte: Você não toma jeito né. - Ele riu e me deu um beijo na bochecha, mas se afastou de mim rapidamente quando ouvimos Pattie tossir falso atrás de nós. Droga, ela não nos dava um minuto sozinhos.
Jeremy: Crianças, vamos dormir?
Jaxon: Eu não quero dormir agora.
Jazmyn: Nem eu.
Justin: Se vocês forem dormir agora eu dou um presente pra vocês depois.
Pattie: Você só estraga eles. - Justin riu.
Justin: É o meu papel. - Falou abraçando os dois enquanto Jeremy e Pattie riam.
Jaxon e Jazmyn me abraçaram, abraçaram Pattie e subiram junto com Jeremy, deixando nós três sozinhos. 
Pattie: Então... eu quero saber uma coisa. - Disse e nós nos entreolhamos.
Chralotte: Pode falar.
Pattie: Vocês ainda estão juntos? Sejam sinceros. - Nós nos entreolhamos.
Justin: Não, mãe. É claro que não. - Falou despreocupado.
Pattie: Tem certeza?
Charlotte: Sim, temos.
Pattie: Então eu vou confiar em vocês.
Charlotte: Qual o motivo dessa conversa?
Pattie: Eu vou pra Stratford amanhã de manhã com o Jeremy e volto na terça. Posso confiar em vocês? - Tentei esconder a felicidade e apenas assenti, mordendo meu lábio inferior para não deixar um sorriso se formar em meu rosto.
Justin: Pode ficar tranquila.
Pattie: Vocês já sabem as regras né? Não vão se atrasar pra escola, nada de festas, sem bebidas, sem chegar tarde em casa e principalmente sem agir como namorados. Vocês são irmãos, entenderam? - Assentimos. 
Charlotte: Que horas vocês vão?
Pattie: 10 horas vamos sair daqui. Acordem cedo para se despedir do Jeremy e das crianças. - Assentimos. - Estou indo dormir. Boa noite. - Ela deu um beijo em cada um de nós e subiu a escada, sumindo das nossas vistas.
Justin: Eu estou muito feliz, mas não posso demonstrar nada. - Falou fazendo bico e eu ri.
Charlotte: Amanhã. - Pisquei pra ele. - Vou dormir, boa noite. - Disse e subi a escada, deixando ele no sofá. Assim que cheguei no quarto comecei a pular feito uma louca. Eu ia ficar em casa sozinha com o Justin por 2 dias, o que poderia ser melhor? Tudo bem que tem a Maggie, mas ela quase não sai da cozinha, então...
Troquei de roupa rapidamente e me joguei na cama, coloquei meus fones e uma música pra tocar, então acabei dormindo.


- narrado por Justin B. -
Eu ia ficar 2 dias em casa sozinho com a Char e minha vontade era de sair gritando por aí. Nós estávamos enganando a Pattie, mas era por uma boa causa, certo? Não estávamos fazendo nada de errado, nós não somos irmãos de verdade.
Peguei meu boné que estava no meu colo e fui para o meu quarto. Tirei minha roupa e vesti uma calça de moletom vermelha, estava fazendo frio devido ao ar condicionado. Deitei na cama e dormi rapidamente, mas fui acordado não muito tempo depois com alguém deitando ao meu lado. Passei minha mão pela cabeça dessa tal pessoa e ela riu, revelando quem era.
Justin: Hey Jazzy, o que está fazendo aqui? - Falei enquanto ela se aninhava nos meus braços.
Jazmyn: Eu queria dormir com você hoje já que amanhã vou embora. - Disse envolvendo seus bracinhos no meu pescoço. - Eu vou ficar com saudades.
Justin: Eu também, Jazzy. Muitas saudades. - Falei. Nós sempre ficávamos assim quando eles tinham que ir embora. - Eu vou pra Stratford em breve. Eu e a Char, você quer? - Perguntei, mas não obtive resposta. Jazzy dormia tranquilamente e eu depositei um beijo na testa dela, a abraçando um pouco mais forte. Ela sempre será a minha princesinha. - Eu te amo, Jazzy. - Sussurrei e então dormi. Eu iria morrer de saudade de todos eles.
- fim da narração de Justin B. -


Amanhã (na ib) promete aihdfslkfdnkj
Justin e Char sozinhos em casa, o que vocês acham que vai rolar? 
E esse momento fofura do Justin com a Jazzy? *u*
Enfim, obrigada pelos comentários no capítulo anterior, vocês são divas demais s2
Falem comigo pelo ask, sempre respondo por lá, todos os dias haha
Divulgando:
Quem quiser me divulgar, eu ficarei muito feliz ok? hahahaha
Bom, é isso. Até o próximo capítulo, não se esqueçam de mim ;*

23/07/2013

ILWMB: Capítulo 26 - We'll face it together

12 comentários: | |
Couples | via Tumblr

Atlanta - Geórgia, sábado, 6:30PM
5 pessoas iriam se apresentar, contando com Justin. Não era um concurso grande, por isso só teve a primeira etapa - a qual Justin passou - e a final. Se ele ganhasse, ganharia um prêmio de 3 mil dólares, que ele disse que iria doar para algum orfanato.
xxx: O próximo concorrente é Justin Bieber. - A mulher que estava apresentando falou e Justin subiu no palco sob os aplausos da platéia. Ele sentou em um banquinho e pegou o violão da mão de umas das assistentes de palcos, posicionando-o em suas pernas e fazendo alguns ajustes.
Justin: Olá. - Ele falou e as garotas da platéia começaram a gritar, fazendo ele sorrir discretamente. - Eu vou cantar uma música de minha autoria. Eu já postei ela no meu canal do YouTube, então quem acompanha já a ouviu. O nome é Be Alright, espero que gostem. - Ele falou e deu um sorrisinho tímido antes de começar a tocar a música. Ele começou a cantar e todos ficaram quietos, atentos à sua voz. Dessa vez, ele não me olhava nos olhos, ele variava o olhar entre a platéia e o violão e às vezes fechava os olhos, colocando emoção na música, como ele sempre fazia.
Pattie parecia incomodada, aliás ela sabia que a música era pra mim, ela sabia que nenhum sentimento entre nós dois foi apagado e que apesar de tudo nós nos amávamos, mas pra ela nós não tínhamos mais nada, então acho que isso fez com que ela não reclamasse de nada.
Quando Justin terminou todos aplaudiram de pé e ele sorriu largamente com isso entregando o violão de volta pra assistente de palco e voltando para seu lugar na platéia.
Justin tinha sido o último a se apresentar, então todos ficaram conversando enquanto os jurados escolhiam o vencedor, o que não demorou.
xxx: Preciso da atenção de vocês para anunciar o vencedor. - Ela falou e todos se silenciaram. - Bom, não foi uma escolha fácil já que todos são ótimos cantores. - Ela pegou um papel das mãos de um jurado e o leu rapidamente. - Sinto muito por todos que não vencerem, mas apenas um pode ser o vencedor e essa pessoa é... - Ela fez uma pausa, causando um pouco de suspense e eu sentia um pouco de nervosismo por Justin. - Sarah Wilmer! - Todos a aplaudiram enquanto ela abraçava algumas pessoas e eu soltava um suspiro de frustração. Sinceramente, Justin cantou muito melhor que ela, mas gosto não se discute.
Justin não parecia frustrado, ele não fazia questão de ganhar, ele só tinha entrado nesse concurso pra cantar pra mim, então ele não estava nem aí. Pelo menos era o que parecia.
Nós fomos pra casa depois disso, todos iriam jantar lá em casa, Pattie os convidou e é claro que todos aceitaram o convite.
Justin: É sério gente, eu to bem, eu não fazia questão de ganhar aquilo. - Ele falou se jogando no sofá enquanto todos não paravam de perguntar se ele estava bem mesmo.
Pattie: Eu espero que sim. - Ela falou dando um beijo na bochecha dele. - Vou na cozinha falar com a Maggie. - Disse e saiu da sala, indo até a cozinha.
Jeremy: Eu queria conversar com vocês. - Apontou para mim e depois para Justin.
Justin: Ok, vamos lá pra cima. - Falou e levantou.
Jeremy: Fiquem de olho na Jazzy e no Jaxon. É rápido.
Caitlin: Pode deixar. - Ele sorriu em resposta e nós fomos até o escritório da casa, que era uma área praticamente inutilizável, usada apenas para guardar documentos e para quando queremos conversar sem sermos interrompidos.
Nós entramos e Jeremy fechou a porta, enquanto eu e Justin nos acomodávamos no enorme sofá de couro.
Jeremy: Então... Pattie me contou o que houve entre vocês. - Ele falou encostando na mesa com os braços cruzados.
Charlotte: Você não vai querer ficar nos vigiando também né? - Perguntei. Já não bastava Pattie, agora Jeremy também...
Jeremy: Não! Eu só queria dizer que não vejo problema nenhum nisso, vocês não são irmãos de sangue.
Justin: Acho que você é a única pessoa que pensa assim, além dos nossos amigos. - Ele falou sorrindo sem humor.
Jeremy: Eu vou fazer o que puder pra ajudar vocês ok?
Justin: Obrigado pai. - Falou o abraçando e eu o abracei também.
Charlotte: Você não é meu pai, mas é o melhor do mundo. - Disse fazendo eles rirem.
Jeremy: Mas me contem uma coisa... - Falou terminando com os abraços. - Como a Pattie descobriu?
Charlotte: Nós estávamos nos beijando na sala. - Falei desviando o olhar e ele riu.
Jeremy: Vocês são retardados! - Disse rindo.
Justin: Tá bom, pai. - Falou revirando os olhos.
Jeremy: Vamos voltar pra sala, mas não demonstrem nada perto da Pattie.
Justin: Nós sabemos. - Disse caminhando para fora do escritório junto com Jeremy e eu os segui. Quando chegamos no meio da escada a campainha tocou e Maggie foi atender.
Maggie: Char, é pra você.
Charlotte: Pra mim? Quem é?
Maggie: É aquele garoto que costumava vim aqui, eu não lembro o nome dele. - Bufei. Já até sabia que era o Robert e quando abri a porta tive a certeza.
Robert: Oi Char. - Ele falou sorrindo e eu revirei os olhos.
Charlotte: O que você quer? - Falei sem nenhum pouco de paciência.
Robert: Só estava com saudades. - Disse se aproximando e eu o empurrei.
Charlotte: Vai embora. - Ia me virar para entrar, mas ele puxou meu braço.
Robert: Eu quero você de volta. - Falou ríspido e eu soltei uma risada alta.
Charlotte: Vai se fuder, Robert. Eu nunca vou voltar com você. - Ele sorriu sínico e soltou meu braço, pegando um papel no bolso da jaqueta que ele usava. Ele desdobrou e me mostrou uma foto minha e do Justin nos beijando na escola, então eu senti a raiva consumir meu corpo e puxei a foto da mão dele, a rasgando em vários pedaços enquanto ele ria.
Robert: Pode rasgar, eu tenho várias cópias em melhor qualidade dessa foto. Essa era só uma amostra do que vai acontecer se você não voltar comigo. - Me deu um beijo na bochecha e saiu caminhando.
Charlotte: EU NUNCA VOU VOLTAR COM VOCÊ! - Gritei entrando novamente em casa e batendo a porta com força. Subi a escada correndo sem falar com ninguém e entrei no meu quarto. Eu estava em um beco sem saída, ou eu voltava com Robert ou um de nós íamos morar em Nova York e talvez nunca mais nos vermos.
Enquanto eu chorava sentada no chão - sendo fraca mais uma vez - Justin surrava a porta, pedindo para entrar. Fui até lá e a abri, o abraçando com força antes dele dizer alguma coisa.
Justin: Ei, o que houve? - Falou me levando para dentro do quarto e fechando a porta atrás de nós. Ele sentou na cama comigo, me abraçando forte. Era só o que eu precisava. - Se acalma, Char.
Charlotte: O Robert... - Dei uma pausa. - O Robert disse que se eu não voltar com ele, ele vai me mostrar uma foto nossa nos beijando pra Pattie. - Ele me olhou assustado e depois me abraçou novamente, afagando meu cabelos. - Eu to com medo, Justin. - Falei o abraçando de volta.
Justin: Nós vamos enfrentar isso juntos, Char. Tudo vai dar certo, não se preocupe. - Disse, mas eu não conseguia acreditar nas palavras dele. Robert e Wendy conseguiram, eu e Justin vamos ser obrigados a nos separar uma hora ou outra e não tem como mudar isso. Talvez Deus não queria que nós fiquemos juntos.



Oi gente <3
Eu estava viajando, então não consegui postar, porém estou de volta \o/
Robert voltou a atacar :(
O que vocês acham que vai acontecer? Alguma vidente vai acertar? ehflsdknfdkf
Bom, durante esses capítulo que passaram, eu acabei esquecendo de divulgar os blog de vocês, então vou fazer isso agora ok? ^^
Entrem nesses blogs:

Pronto, aí estão todas que pediram divulgação nas últimas semanas :)
Vejam meu vídeo, é do Justin, com as notas altas que ele alcança durante as músicas. É só clicar aqui.
Bom.. é isso. Até o próximo capítulo ;*

Novos selinhos!

Nenhum comentário: | |
Aye peoples!
Mês passado eu recebi alguns selinhos, mas só agora lembrei de postá-los aqui.
O primeiro selinho quem me deu foi a imaginebelieber-jb01:


Regras básicas:

- Escrever 11 coisas sobre seu próprio blog.
- Responder as 11 perguntas feitas pelo blog que indicou.
- Indicar 11 blog com menos de 200 seguidores.
- Fazer 11 perguntas para quem indicarei.

11 coisas sobre o blog:

- No começo do blog eu não tinha nenhuma leitora e postava só porque eu gostava de escrever.
- Como eu não recebia muitos comentários, pensei em parar de postar, mas continuei mesmo assim.
- Fiquei postando sozinha durante vários meses de blog e depois decidi colocar algumas adm's.
- O blog foi criado dia 21 de julho de 2011.
- A primeira IB que eu postei aqui foi Never Forget You, mas a que mais atraiu leitoras foi Little London Girl.
- O primeiro layout do blog era todo preto com alguns detalhes em roxo.
- O maior número de comentários que eu recebi em uma postagem foi 73, no capítulo 13 de ILWMB.
- Estou sempre escrevendo, mesmo que eu não poste.
- Entro no blog toda hora para ler os comentários e ver se está tudo certo.
- Sempre releio os capítulos que posto para ver se tem algum erro.
- Já reli todas as minhas IBs e tenho vergonha de algumas delas.

Peguntas feitas à mim:

- Qual é a sua música favorita do Justin?
Sou completamente apaixonada por Fall (Acoustic) e eu poderia ouvir ela dezenas de vezes sem parar.
Há quanto tempo é Belieber?
É impossível saber a quanto tempo sou Belieber, porque o amor vai surgindo aos poucos, mas eu gosto do Justin desde março de 2010.
- Gosta dos novos amigos rappers do Justin?
Só do Lil Za.
- O que acha do Drake Bell?
Um otário que perdeu a fama e quer voltar na mídia às custas dos outros.
- Há quanto tempo escreve fanfictions?
Eu escrevo desde o começo de 2011.
- Qual foi a sua primeira fanfic?
Never Forget You e aliás o primeiro lugar que postei ela foi no orkut lol
- Prefere ler ou escrever?
Escrever.
- Que casal você shippa?
Jaitlin *u* Eles eram perfeitos juntos.
- Assiste alguma série?
SkinsUK
- Participa de outro fandom?
Enchancers (Greyson Chance), BeadlesBabes (Christian Beadles), Caitlinators (Caitlin Beadles) e Mahomies (Austin Mahone).
- O que você pensa sobre o "Justin Bieber badboy"?
Penso que Justin quer passar imagem de badboy apenas para os amigos que não se importam com ele de verdade, mas quando ele está com os fãs, família ou os bons amigos, ele volta a ser o garoto fofo de sempre. Também acho que se as pessoas que realmente se importam com ele não interferir, ele vai acabar fazendo alguma merda. Mas nós não sabemos como ele age longe das câmeras né?

Blogs que indico:

Não leio muitos blogs, os que eu lia desativaram, então não posso indicar nenhum :(
Quem quiser fazer, pode fazer e fala que foi eu que dei o selinho ^^

Perguntas para os blogs indicados:

- Você se considera uma boa blogueira?
- Já pensou em desativar o blog ou já desativou?
- Acha que o fandom das Beliebers era melhor em 2010?
- O que você acha do TMZ?
- Qual site costuma entrar para ler as notícias do Justin?
- Participa de outros fandoms?
- Qual foi sua primeira fanfic?
- Já postou em outros lugares?
- Acha que a relação do Justin com os fãs mudou?
- O que faria se encontrasse o Justin na rua?
- Escreva tudo o que você sente em relação ao Justin.



O segundo selinho foi dado pela saindodarealidadeprasonharcomobieber



É o mesmo selinho, então contém as mesmas regras. Só vou responder as perguntas dela ^^

- Qual sua frase favorita?
Sempre acredite nos seus sonhos e nunca diga nunca.
- Gosta de ler?
Amo.
- Uma música favorita?
Fall (Acoustic) - Justin Bieber
- Desde quando escreve fanfics?
Escrevo desde o começo de 2011.
- Qual foi a sua primeira fanfic?
Never Forget You
- Há quantos anos seu blog está ativo?
2 anos e 2 dias.
- Uma atriz ou cantora que você gosta muito?
Demi Lovato.
- Um filme favorito?
Justin Bieber: Never Say Never. Fora esse eu não tenho um favorito, gosto de vários.
- Belieber desde quando?
Gosto do Justin desde março de 2010, mas o amor não veio de uma hora pra outra, ele foi crescendo aos poucos.
- O que mais gosta de escrever?
As partes românticas entre o Justin e a personagem principal.
- Qual a sua fic favorita?
Soul Rebel.



O terceiro selinho foi dado pela imaginevoceeojb.



É o mesmo selinho, então vou só responder as perguntas :)

- Já enjoou da sua fic?
Não! Estou sempre tendo ideias novas pra ela.
- Qual a pior mania que você tem quando escreve?
Acho que é repetir as palavras. Também me distraio com qualquer coisa.
- Alguém já criticou sua IB?
Várias vezes, mas não é só de elogios que é feito um blog.
- Qual rede social você mais usa?
Instagram.
- Quando você fica sem criatividade o que você faz?
Escuto músicas, leio a tradução de algumas e tento imaginar a história na minha cabeça como se ela estivesse acontecendo comigo.
- O capítulo que você mais gostou da sua IB.
Capítulo 7, quando o Justin e a Char vão para uma festa, dormem na casa do Ryan e se beijam de verdade pela primeira vez.
- Qual foi sua primeira fic?
Never Forget You
- Diga um blog favorito.
Eu não tenho um favorito.
- Fica chateada quando não comentam na sua fic?
Muito =\
- Qual personagem da fic que você acha mais fofo?
O Justin, óbvio haha
- Quando começou a escrever no blog?
21 de julho de 2011



Pronto, esses são os selinhos que ganhei. Muito obrigada a quem mandou ^^

22/07/2013

2 ANOS DE BLOG!

Um comentário: | |


SCRR, ONTEM EU FIZ 2 ANOS DE BLOG GENTE!
DIA 21 DE JULHO DE 2011, EU POSTEI AQUI PELA PRIMEIRA VEZ E COMECEI A CONQUISTAR LEITORAS LINDAS *u*
SOU MUITO GRATA POR CADA LEITORA QUE TENHO, POR CADA COMENTÁRIO QUE RECEBO E TODA VEZ QUE VOCÊS ME FAZEM UM ELOGIO, UM SORRISO SURGE NO MEU ROSTO. VOCÊS SÃO INCRÍVEIS E EU SÓ TENHO QUE AGRADECER POR VOCÊS CONTINUAREM AQUI MESMO QUANDO EU DEMORO A POSTAR. EU NÃO FAÇO POR QUERER, ÀS VEZES NÃO DÁ PRA ESCREVER E AÍ EU NÃO POSTO, MAS EU JURO QUE SE EU PUDESSE EU POSTARIA TODOS OS DIAS PRA VOCÊS, POSTARIA VÁRIOS CAPÍTULOS POR DIA, PORQUE VOCÊS SÃO INCRÍVEIS.
DURANTE ESSES DOIS ANOS CONHECI PESSOAS MARAVILHOSAS, PASSEI MOMENTOS DIVERTIDOS COM VOCÊS, RECEBI ELOGIOS QUE EU NEM MEREÇO E ME APAIXONEI AINDA MAIS POR FANFICS.
MUITO OBRIGADA LEITORAS E OBRIGADA JUSTIN DREW BIEBER.
EU AMO VOCÊS! <3


Obs.: desculpa pelo caps ativado, mas eu to realmente feliz *u*

EM BREVE VOU DIVULGAR UMA ÓTIMA NOVIDADE EM COMEMORAÇÃO AOS DOIS ANOS DO BLOG (QUE JÁ PASSOU, MAS TUDO BEM)

16/07/2013

ILWMB: Capítulo 25 - Proposal

13 comentários: | |


Atlanta - Geórgia, domingo, 6:10PM
Nós passamos a tarde toda conversando, tentando planejar um jeito para Justin e eu conseguir nos encontrar sem Pattie saber. Sandi convenceu Pattie a sair com ela e resolver algumas coisas da festa de aniversário do Will, pai do Christian e da Cait, então isso nos deu mais liberdade para conversarmos.
Caitlin: A festa é no sábado, dá pra vocês ficarem juntos já que a Pattie vai tá entretida com as pessoas. - Ela falou, enquanto eu mexia no cabelo de Justin, que estava deitado na minha perna.
Justin: Não acho que Pattie vai desgrudar os olhos de nós. - Concordei com ele. Depois do que aconteceu hoje mais cedo ela não nos deixa sozinhos.
Chaz: Então vocês ficam juntos na escola, o horário de vocês é igual mesmo. Depois da escola, vocês se encontram só às vezes mesmo.
Charlotte: É o jeito né. - Falei.
Justin: Quando você fizer 18 anos a gente foge tá? - Assenti sorrindo.
Ryan: Aí a Charlotte roda bolsinha na esquina e você vira cafetão pra poderem se sustentar. - Rimos.
Charlotte: Não precisava lembrar dessa parte. - Ele riu.
Christian: O papo tá bom, mas eu preciso me arrumar pra sair. - Falou levantando. - Até mais tarde.
Chaz: Vai lá, comedor. - Ele mandou um beijo e nós rimos.
Ficamos conversando até Pattie e Sandi chegar e então tivemos que ir embora. Pattie estava muito chata ultimamente, mas eu não tiro a razão dela, também não sei o que faria se meus filhos estivessem apaixonados.
Quando chegamos em casa, fui até a cozinha para comer alguma coisa e Justin foi atrás, então óbvio que Pattie nos seguiu.
Justin: O que você tá fazendo? - Falou sentando em uma das banquetas. Pattie sentou à mesa, nos observando.
Charlotte: Vou fazer um sanduíche, quer? - Ele assentiu. - Quer um também, mãe?
Pattie: Não, obrigada. - Me virei e fiz os sanduíches, depois coloquei suco nos copos e sentei ao lado do Justin, começando a comer. Pattie só saiu de lá quando o telefone tocou e ela foi atender, já que Maggie estava de folga.
Pattie: Justin, tem um homem querendo falar com você. - Ela disse entregando o telefone pra ele.


- narrado por Justin B. -
Estranhei quando minha mãe disse que um homem queria falar comigo. Quem poderia ser?
  "Justin: Alô?
    xxx: Olá, Justin. Meu nome é Dave, eu sou dos Estados Unidos e vi seus vídeos no YouTube.
    Justin: Sim, e daí? - Falei, tentando não parecer rude.
    xxx: Eu sou empresário, trabalho em uma ótima gravadora e estou realmente interessado em assinar um contrato com você. - Arqueei as sobrancelhas. Isso é real?
    Justin: Hmm, eu não estou interessado.
    xxx: Você não precisa responder agora, te dou alguns dias para pensar.
    Justin: Não, eu realmente não quero. Não quero isso pra minha vida, desculpe.
    xxx: Tem certeza que não quer nem pensar? Pode mudar a sua vida, você pode ficar muito famoso.
    Justin: Eu não quero ser famoso, me desculpe. - Falei. - Eu não sei como você conseguiu meu número e nem quem você realmente é, também não quero ser famoso e nem seguir carreira como músico, então por favor, não me ligue mais.
   xxx: Ok, me desculpe.
   Justin: Está tudo bem. "
Depois que desliguei o telefone, Char e minha mãe me encaravam curiosas, então comecei a explicar antes que elas perguntassem. Elas ficaram muito felizes, mas não disseram nada sobre eu assinar, elas entendiam minha decisão.
Charlotte: Eu não entendo como esse cara conseguiu seu número. - Falou enquanto comia seu sanduíche.
Pattie: Ele é empresário, deve ter vários contatos por aí.
Justin: Ele pode ter ligado para algum lugar que frequentamos. - Falei dando de ombros. Estava mais interessado no meu sanduíche do que na conversa.
- fim da narração de Justin B. -

Quando terminei de comer, fui para o quarto, não era nada bom ficar perto de Justin e não poder beijá-lo e nem mesmo tocá-lo. Liguei meu som no último volume e fui para o banheiro, enquanto cantava e me despia. Ao entrar embaixo do chuveiro, comecei a cantar e dançar, eu já não era normal em público, imagina sozinha.
Terminei meu banho e vesti um pijama, depois fiquei mexendo na internet, ao som de Katy Perry. Entrei nas minhas redes sociais e aproveitei para conversar um pouco com Tracy e Caitlin em uma chamada de vídeo.
Quando eu vi, já era 11 horas, então fui dormir, amanhã eu teria aula.

Atlanta - Geórgia, segunda-feira, 7:00AM
Acordei sentindo alguém me envolvendo pela cintura, óbvio que era Justin, mas mesmo assim eu acordei assustada. Ele não poderia estar aqui até essa hora, era perigoso.
Charlotte: Justin! - Falei sussurrando e o balançando levemente. Ele não respondeu, então o balancei mais forte e ele quase caiu da cama, fazendo eu rir.
Justin: O que foi, Char? Eu quero dormir. - Falou colocando o travesseiro na cabeça e eu o peguei, batendo nas costas dele. - Você tá encapetada hoje né? - Disse sentando na cama e passando as mãos seguidamente no rosto.
Charlotte: Eu não to encapetada, Justin. Hoje é segunda e já são 7 horas, você não poderia estar aqui até essa hora. - Falei, beijando seus lábios levemente. - Imagina se Pattie entra aqui e vê você só com uma calça de moletom, o cabelo todo bagunçado e essa cara amassada? Ela vai pensar que nós fizemos sexo selvagem a noite toda. - Ele riu.
Justin: Bem que poderíamos ter feito mesmo. - Falou me pegando e me fazendo deitar no colo dele, feito um bebê. Depois me deu um selinho rápido.
Charlotte: Também acho, mas nós estamos sendo vigiados. - Falei fazendo bico.
Justin: Logo as coisas vão se resolver. - Sorri, tentando demonstrar que eu confio nele.
Charlotte: Agora você tem que ir, a Pattie só está esperando um deslize nosso. - Falei levantando.
Justin: Estou indo, senhorita mandona. - Me beijou mais uma vez e levantou da cama. - Até daqui a pouco. - Disse e saiu correndo do quarto.
Suspirei e levantei da cama, caminhando até o banheiro lentamente. Tomei um banho rápido, me vesti, peguei minha mochila e meu celular e desci, indo para a cozinha.
Charlotte: Maggie! - Gritei, fazendo ela dar um pulo.
Maggie: Que isso, menina? Quase me matou de susto. - Falou com a mão no peito e eu ri.
Charlotte: Desculpa, não resisti. - Falei sentando.
Maggie: Quer comer o que?
Charlotte: O que tiver tá bom.
Maggie: Pode ser salada de frutas?
Charlotte: Pode. - Ela assentiu e foi até a geladeira. Enquanto ela me servia, acessei um blog que eu costumava ler e o li enquanto comia. Justin chegou quando eu estava terminando, então não o esperei, assim Pattie não desconfiaria de nada. Peguei meu carro e dirigi calmamente até a escola, ouvindo algumas músicas.
Wendy: E seu irmão, como está? - Falou caminhando ao meu lado enquanto eu ia para dentro da escola. Revirei os olhos. - Ou eu devo dizer namorado? - Ela riu. - Engraçado isso, não?
Charlotte: Garota, cala a boca antes que eu me estresse com você. - Ela riu novamente.
Wendy: Relaxa. Hoje eu estou de bom humor, vou te deixar em paz, mas não por muito tempo. - Ela saiu rindo e eu bufei. Garota insuportável.
Peguei meus livros no armário e fui encontrar meus amigos, que estavam no mesmo local de sempre, conversando e rindo alto.
Tracy: Char! - Ela gritou, fazendo todos eles me olharem.
Charlotte: E ae? - Disse sentando junto com eles.
Ryan: Cadê o Justin?
Charlotte: Quando eu saí de lá ele ainda não estava pronto.
Christian: É um viadinho mesmo. - Ri.
Charlotte: E você conseguiu pegar a menina ontem, Christian?
Caitlin: Ele chegou em casa 2 horas da manhã.
Christian: Ninguém resiste a mim. - Rimos.
Chaz: Sonha porque sonhar não faz mal a ninguém. - Christian mostrou o dedo do meio pra ele e nós rimos.
Nós ficamos conversando por um bom tempo até o sinal para entrarmos bater e Justin só chegou quando eu já estava na sala. Ele chegou ofegante, parecia que tinha corrido uma maratona.
Justin: Licença, professor. - Falou e entrou na sala, sentando ao meu lado.
Charlotte: Por que atrasou? - Perguntei baixo.
Justin: Meu carro deu problema, precisei vim de skate. - Ri.
Charlotte: Desculpa, se eu soubesse teria te esperado.
Justin: Não tem problema. - Assenti e voltei a prestar atenção na aula.
Durante toda a aula Justin me olhava sorrindo e eu sorria de volta, desviando o olhar e fazendo ele rir. Idiota.


3 semanas depois... (dia do show de talentos)
Atlanta - Geórgia, sábado, 4:20PM
As semanas foram normais. Pattie pegando no nosso pé todos os dias, aulas chatas, Wendy e Robert nos perturbando, eu e Justin nos encontrando escondidos, nada de diferente.
Eu estava terminando de me arrumar para ir no show de talentos, enquanto Jazzy tagarelava na minha cabeça. Ela e Jaxon vieram para cá junto com Jeremy para passar o fim de semanas.
Jazmyn: Você acha que o Justin ganha? - Falou me olhando arrumar o cabelo em frente ao espelho. Ela estava sentada na minha cama e balançava as perninhas pra frente e pra trás.
Charlotte: Espero que sim, ele é muito bom né? - Ela concordou com a cabeça.
Jazmyn: Eu tenho certeza que ele vai ganhar. - Disse.
Charlotte: Vamos descer? - Falei estendendo a mão pra ela quando terminei de me arrumar e ela a pegou, caminhando ao meu lado até a sala de estar. Jaxon estava brincando no tapete junto com Jeremy e Jazzy correu até eles, pulando nas costas do pai.
Jeremy: Ei princesinha. - Falou a pegando e dando um beijo na bochecha dela. Senti saudades dos meus pais vendo essa cena e tentei segurar o choro que se formava.
Jaxon: Char, vem brincar com a gente. - Ele falou me chamando com a mão e eu caminhei até eles.
Jeremy: Você fica com eles pra mim me arrumar? - Perguntou.
Charlotte: Claro, pode ir lá. - Ele beijou a cabeça de cada uma das crianças e subiu. Fiquei brincando com eles por alguns minutos até Jeremy descer, depois fomos até o local onde seria o show de talentos. Pattie e Justin já tinham ido, assim como nossos amigos, mas eu decidi ir depois caso Jeremy precisasse de ajuda com as crianças.
Nós chegamos ao local em poucos minutos e logo encontramos os outros. Jazzy correu para o colo do Christian, ela o adorava, e Jaxon ficou no meu colo.
Pattie: Vocês demoraram.
Charlotte: Nós ficamos esperando Jeremy se arrumar.
Jeremy: Eu nem demoro.
Ryan: Você parece uma princesa, Jeremy. - Rimos.
Jeremy: Cadê o Justin?
Caitlin: Ele foi resolver algumas coisas. - Jeremy deu de ombros e nós continuamos conversando. Justin chegou pouco tempo depois e sorriu para mim, sentando ao lado de Jeremy.
Logo a mulher começou a anunciar as primeiras pessoas que iriam cantar.


Então... outro capítulo ruim, desculpe :(
Pelo menos demorei menos ehuheuhe
Bom, quero informar vcs de que não falta muito pra IB acabar, antes dos 30 acho que termino, MAAAS terá segunda temporada \o/
Já tenho a segunda temporada planejada desde quando comecei a primeira, mas não avisei vcs pq esqueci :(
A segunda temporada vai ter muita coisa nova, vai ser bem diferente, vai ter personagens novos e é só isso que posso dizer. Vcs vão ter que esperar pra saber o resto haha
Sobre a BT, eu realmente não vou, meu pai desistiu faltando algumas horas pra comprar e eu chorei até faltar lágrimas. Eu chorei vendo o show do Luan Santana no Fantástico pra vcs terem uma noção :(
Mas chega de falar de coisas tristes. 
Eu criei um vídeo novo, é do Justin, com as notas altas que ele alcança durante as músicas. Quem quiser ver pode dar a play aí embaixo, ou clique aqui para ver em tamanho maior.


É isso. Até o próximo capítulo, não esqueçam de comentar ;)

13/07/2013

Famous On YouTube: Alex G

Um comentário: | |
Senhor, quanto tempo sem atualizar isso G_G
Eu não lembro de fazer. Vou voltar a atualizar o Famous On YouTube, todo o sábado posto um novo artista ok? 
A artista de hoje é a Alex G. Eu não consegui muita informação sobre ela, mas fiz o que pude :)


MellyLee NMR AlexG02 Alex G | Singer & Songwriter

Alex G (nascida no Denver, Colorado, em 11 de abril) começou a postar vídeos no YouTube depois de vencer um concurso. Ela tinha medo de cantar em público, então achou que o YouTube seria a alternativa perfeita. Determinada a mostrar às pessoas que ela pudesse cantar, Alex filmou seu primeiro vídeo "Marry You" do Bruno Mars, que começou a sua carreira na área do Colorado. Dois anos mais tarde, Alex foi o ato de abertura para duas turnês de Tyler Ward e agora divide seu tempo entre Colorado e Los Angeles trabalhando em tempo integral desenvolvendo seu canal do YouTube.
Atualmente seu canal no YouTube tem cerca de 718 mil assinantes e 92 milhões de visualizações. No Twitter ela tem 48 mil seguidores.

Fotos:



Vídeos:
Videoclipe da música Found You

Cover da música Nothing Like Us do Justin Bieber

Cover da música Heart Attack da Demi Lovato

Sites Oficiais:

- Keek


É isso. O que acharam dela? :)

12/07/2013

ILWMB: Capítulo 24 - Forbidden

11 comentários: | |
Wall Photos
"But I'd stop the world
If it'd they finally let us be alone, let us be alone"
(Stop The World - Demi Lovato)

Atlanta - Geórgia, domingo, 1:15PM
Pattie: O QUE ESTÁ ACONTECENDO AQUI? - A voz dela ecoou pela sala, fazendo Justin se separar de mim rapidamente e olhar assustado pra ela. Meus olhos se arregalaram imediatamente, meu coração disparou e minha respiração ficou falha. Justin não estava muito diferente de mim.
Charlotte: Ér... oi, mãe. - Falei com um sorrisinho no rosto, tentando amenizar a situação, o que não adiantou muito. Pattie parecia que ia explodir.
Pattie: Eu não acredito no que eu acabei de ver. - Disse passando as mãos no cabelo e andando pela sala, parecendo desesperada.
Justin: Mãe, deixa...
Pattie: NÃO FALEM COMIGO! - Ela gritou e nós demos um pulo pra trás. Nunca tinha visto Pattie assim, ela era sempre tão doce e calma. - Vão... vão se arrumar e voltem. Eu quero conversar com vocês. - Disse e nós subimos a escada rapidamente. Antes de entrar no quarto Justin me abraçou e disse que tudo ia ficar bem, mas eu não acreditava nisso, nada ia ficar bem entre nós a partir de agora. Fui para o banheiro e tomei um banho rápido, enquanto chorava sem perceber. Como fomos deixar isso acontecer? Nós fomos sempre tão cuidadosos e por um minuto de descuido fomos pegos. E pensar que eu estava me preocupando com Wendy...
Depois que eu terminei de me vestir e pentear o cabelo fui para a sala, onde Pattie estava sentada no sofá me fuzilando com os olhos. Fiquei em pé ao lado do sofá e ela me mandou sentar, então assim o fiz. Nós ficamos em silêncio até Justin chegar. Ele sentou do meu lado e me olhou de uma forma tentando passar segurança, mas não conseguiu, nada me passaria segurança agora.
Pattie suspirou e então ficou de pé, nos olhando de uma forma que eu estava ficando com medo.
Pattie: Desde quando? - Ela perguntou e nós nos entreolhamos.
Justin: Desde quando o que? - Revirei os olhos, ele é um idiota.
Charlotte: Tem alguns dias.
Pattie: Eu sou uma burra, como eu não fui ver? - Falou mais para si mesmo do que para nós.
Justin: Não, mãe, você não é burra.
Pattie: Sou sim! Essa aproximação de vocês não ia acontecer à toa. - Falou e pareceu pensar um pouco. - Lá no Texas, vocês já...
Charlotte: Não! A viagem só nos aproximou.
Pattie: É tudo culpa minha, eu não deveria ter inventado essa viagem.
Charlotte: Não é culpa sua, mãe.
Pattie: Fiquem quietos, por favor. - Falou andando pela sala. Após alguns minutos ela parou na nossa frente novamente. - Vocês vão se separar, entenderam? Se eu souber que vocês estão juntos mando um de vocês pra morar em Nova York.
Justin: Mãe, por favor... eu a amo. - Justin disse e eu sorri.
Pattie: ISSO É ERRADO! - Ela gritou. - Vocês são irmãos!
Justin: Não somos irmãos de sangue! - Disse a afrontando e eu fiz um sinal para ele parar.
Pattie: Não interessa, vocês continuam sendo irmãos! - Falou. - Se eu descobrir que vocês estão juntos, vocês já sabem né? - Assentimos. - Agora subam, vão para o quarto de vocês.
Charlotte: Você pode deixar nós conversamos? - Ela assentiu.
Pattie: 5 minutos. E sem aproximações. - Falou e saiu da sala, nos deixando à sós. Justin estava com a cabeça baixa e ele chorava em silêncio, a única diferença entre nós é que eu chorava desesperadamente.
Charlotte: Hey Biebs. - Falei levantando seu rosto, fazendo ele me olhar. - Tudo vai dar certo. - Sorri fraco.
Justin: Eu espero. - Suspirou. O abracei fortemente, aspirando todo seu perfume para gravá-lo em minha mente.
Pattie: Já conversaram? - Falou surgindo na sala e nós nos separamos. - Subam agora. - Justin me olhou e suspirou, depois levantou sem olhar na cara de Pattie e subiu.
Charlotte: Muito obrigada, mãe. - Falei com raiva e fui para o meu quarto. Eu não estava com ódio de Pattie, eu até entendo o lado dela, mas estava chateada sim. Eu e Justin só somos irmãos em um papel, não temos o mesmo sangue correndo nas nossas veias, então qual o problema?
Liguei para Caitlin e então disquei o número dela. Ela atendeu depois de alguns toques.
"Caitlin: Hey, Char!
  Charlotte: Oi, Cait. - Falei sem nenhuma animação na voz.
  Caitlin: Credo, que baixo astral. O que houve?
  Charlotte: Minha mãe descobriu.
  Caitlin: Sobre você e o Justin? - Falou alto, quase gritando.
  Charlotte: É e agora ela proibiu a gente de se ver.
  Caitlin: Ai meu Deus, Char. Eu sinto muito. Como vocês estão?
  Charlotte: Péssimos. - Falei virando na cama e ficando de barriga pra baixo. - Você pode vim aqui?
  Caitlin: Sim, só vou terminar de pentear meu cabelo e estou indo.
  Charlotte: Ok, estou te esperando. "
Me encolhi na cama, abraçando a mim mesma. Algumas lágrimas estavam rolando pelo meu rosto sem eu perceber. Porque tudo tinha que ser tão difícil?
Meu celular começou a tocar e eu atendi, imaginando ser a Caitlin, mas era Justin e eu me arrepiei quando ouvi sua voz.
"Justin: Oi shawty... - Sua voz estava baixa, ele estava chorando.
  Charlotte: Oi Biebs. - Falei, virando na cama e ficando agora com a barriga pra cima. - Como você está?
  Justin: Horrível, imagino que você esteja assim também.
  Charlotte: É... - Falei. - Já estou com saudades de você.
  Justin: Eu também. Muito. - Sorri. - É horrível estar no quarto na frente do seu e não poder ir aí.
  Charlotte: Amanhã é segunda, vamos poder nos ver na escola.
  Justin: Nunca fiquei tão ansioso pra que uma segunda-feira chegasse. - Ri.
  Charlotte: Eu também. - Ouvi um barulho de violão. - Você está tocando?
  Justin: Sim, vou gravar um vídeo.
  Charlotte: Me avise quando colocar.
  Justin: Com certeza, ele é pra você. - Sorri.
  Charlotte: Sério? Sobre o que é?
  Justin: É apenas uma música pra te passar uma mensagem. Você vai ver.
  Charlotte: Estou ansiosa. - Ele riu.
  Justin: Vou terminar de gravar. Depois eu te ligo. Beijos, te amo.
  Charlotte: Também te amo."
Ele encerrou a ligação e eu joguei o celular em cima do criado mudo, soltando um longo suspiro. Isso mal tinha começado e eu já estava cansada.
Caitlin chegou depois de alguns minutos e veio me abraçar. 
Caitlin: Como isso aconteceu? - Disse sentando na minha cama.
Charlotte: Ela nos viu quando estávamos nos beijando. Não tomamos muito cuidado.
Caitlin: Seus cabeçudos. - Me deu um tapa na cabeça e eu ri. - Vou tentar ajudar vocês. Os outros já sabem? - Neguei.
Charlotte: Só você.
Caitlin: Então vou marcar com eles 4 horas com ele lá em casa. - Falou pegando o celular e digitando algo. - Vamos conversar e tentar ajudá-los. - Sorri.
Charlotte: Muito obrigada, Cait. - Falei a abraçando forte e ela riu.
Caitlin: Você vai me sufocar. - Ri e a soltei.
Charlotte: Eu vou descer e almoçar. Quer ir comigo? - Ela negou.
Caitlin: Eu vou falar com o Justin, ele tá aí? - Assenti.
Charlotte: Tá no quarto. - Falei caminhando com ela até a porta. Ela entrou no quarto do Justin e eu desci, indo até a cozinha. Maggie estava terminando de guardar as louças e só notou minha presença ali quando eu arrastei um dos banquinhos para mim sentar.
Maggie: Oi Char. Quer almoçar?
Charlotte: Aham, estou morta de fome. - Ela preparou minha comida e a esquentou no microondas, me entregando em seguida. Comi rapidamente e voltei para o quarto, onde não encontrei Caitlin. Queria ir até o quarto de Justin, mas tinha medo de Pattie me ver lá e você já sabe o que aconteceria.
Fiquei no meu quarto por alguns minutos e então Caitlin surgiu com uma cara nada boa.
Charlotte: O que foi, Cait?
Caitlin: Pattie veio me perguntar sobre vocês e pediu pra mim vigiá-los.
Charlotte: Que bom que foi você né? Pior se ela contratasse alguém para nos vigiar.
Caitlin: Eu não queria mentir pra ela.
Charlotte: É por uma boa causa, Cait. - Falei a abraçando.
Caitlin: Eu sei... Vocês ficam me devendo uma ok? - Ri.
Charlotte: Ok. Agora vamos pra rua porque não aguento mais ficar aqui. - Disse a arrastando para fora do quarto.


- narrado por Justin B. -
Fiquei cerca de 2 horas preparando uma melodia pra música e finalmente eu tinha tudo pronto. Posicionei a câmera, peguei meu violão e então comecei a cantar a música que eu tinha escrito. Era uma ótima canção, Char com certeza ia gostar, assim como todos que estavam me pedindo mais vídeos.
Enquanto cantava eu segurava as lágrimas que queriam escorrer pelo meu rosto, eu não queria chorar e fazer os outros pensarem que eu era um viadinho. Isso foi machista...
Enfim, aquela música era muito especial pra mim, eu coloquei tudo que eu queria dizer para Charlotte nela e foi quase impossível não chorar, mas eu me controlei.
Quando eu terminei de gravar, fiz o upload no YouTube. Não editei o vídeo e nem nada, eu queria que tudo ficasse ao natural, não queria que pensassem que eu não sou bom o bastante para cantar sem edição.
Assim que o upload terminou, mandei uma mensagem pra Char pedindo para ela ver o vídeo e ela disse que estava na casa da Caitlin. Olhei as horas e vi que já eram 3:50, eu tinha marcado de ir pra lá 4 horas. Peguei meu celular e desci correndo, mas quando passei pela sala, minha mãe me chamou.
Pattie: Onde você está indo?
Justin: Na casa do Christian. - Falei pegando a chave do carro que estava em cima da mesa de centro.
Pattie: A Charlotte está lá, então você não vai. - A olhei incrédulo.
Justin: Mãe, você não pode me proibir de sair, eu já sou maior de idade.
Pattie: Ok, então já que eu não posso te proibir, eu vou com você. - Disse pegando sua bolsa e vindo atrás de mim. Revirei os olhos, eu não estava acreditando que aquilo estava mesmo acontecendo.
Justin: Você não vai poder ficar atrás de nós o dia todo sabia? - Falei enquanto dava a partida no carro.
Pattie: Eu sei, é por isso que eu tenho meus contatos. - Bufei.
Justin: Nós não vamos fazer nada, mãe. Você não confia em nós?
Pattie: Claro que confio, só não confio quando o assunto é esse. - Revirei os olhos novamente. - Ainda não consigo acreditar que vocês estavam... - Ela não terminou, apenas balançou a cabeça negativamente, me fazendo rir.
Justin: Mãe, não tem nada de mais nisso.
Pattie: VOCÊS SÃO IRMÃOS! - Ela gritou.
Justin: NÃO SOMOS IRMÃOS DE SANGUE! - Gritei e ela me olhou furiosa, então respirei fundo, tentando me acalmar. - Se você veio pra ficar gritando comigo era melhor ter ficado em casa.
Pattie: Olha como você fala comigo. - Disse com raiva. - Só não te bato agora porque você tá dirigindo, senão ia aprender a me respeitar rapidinho. - Bufei e não disse mais nada, foquei minha atenção na pista.
- fim da narração de Justin B. -

Eu, Christian, Caitlin, Ryan, Chaz e Tracy estávamos vendo o vídeo que Justin gravou e sinceramente, eu estava chorando. Em silêncio, mas estava. Era lindo, a mensagem que a música passava me deixava completamente emocionada.
"Through the sorrow, and the fights
Don't you worry, 'cause everything's gonna be alright"
Ele terminou de cantar e eu sequei minhas lágrimas, não conseguia parar de sorrir nenhum minuto sequer.
Tracy: Awn, amiga, não chora. - Ela disse me abraçando e eu sorri.
Charlotte: É impossível. - Falei.
Christian: O Justin tá virando um viadinho mesmo. - Nós rimos.
Justin: Quem tá virando um viadinho? - Sua voz ecoou pela sala e eu virei sorrindo para ele, mas meu sorriso se desfez quando vi Pattie atrás dele. Não que eu não quisesse vê-la ou não gostasse dela, mas eu achei que poderia passar um tempo com Justin sem ter que esconder nada.
Christian: Você. Olha que viadagem. - Apontou para o computador.
Ryan: É verdade, nem sai mais pra comer umas vadias.
Justin: Cala a boca seus merdas, minha mãe tá aqui.
Pattie: E você acha que eu não sei dessa sua vida? - Rimos. - Sandi está aí?
Caitlin: Está lá em cima.
Pattie: Ok, vou lá, mas estou de olho em vocês. - Falou para mim e para Justin e nós assentimos. Ela subiu e então Justin sentou do meu lado, me dando apenas um selinho bem rápido.
Chaz: Vocês precisam tomar mais cuidado.
Charlotte: Nós sabemos...
Chaz: Mas não parece. - Justin mostrou o dedo do meio pra ele e Ryan e Christian riram.
Tracy: Nós vimos o vídeo que você postou.
Justin: O que acharam?
Christian: Uma viadagem. - Rimos.
Justin: Vá se foder, pirralho.
Christian: Mais tarde eu vou sair com uma garota muito gostosa e eu pretendo fazer isso.
Caitlin: Me poupe disso, Christian. - Rimos. - Seu vídeo ficou ótimo, Justin. Já tá com mais de 50 mil visualizações.
Justin: Sério? Eu postei tem alguns minutos. - Falou tomando o computador da mão de Ryan.
Ryan: Você é muito talentoso, mas não tem nenhuma educação com seus amigos. - Rimos novamente.
Justin: O que você achou? - Ele falou sorrindo pra mim e ignorando Ryan que estava resmungando.
Charlotte: Foi incrível! Sério, não dá pra descrever. - Falei e ele sorriu, juntando nossos lábios rapidamente.
Caitlin: Ela chorou feito um bebê. - Justin riu.
Justin: Sério?
Charlotte: Você é uma fofoqueira, Caitlin Victoria Beadles. - Eles riram.
Chaz: Mas então... porque você chamou todos nós aqui, Cait? - Ele perguntou e então ela começou a explicar sussurrando, para que Pattie não a ouvisse. Eles iam bolar um plano para mim e Justin.


E aí gatas? <3
Capítulo horrível, eu sei. Me desculpem, não estou com cabeça pra escrever :(
Eu não vou mais na BT, pois é D:
Eu até tenho o dinheiro, mas meu pai tá com medo, pq é um lugar MUITO perigoso, cercado de favelas, ele não tem onde ficar e nem onde guardar o carro, não tem como pagar um hotel, etc...
Então não tem como eu ir mesmo :(
To muito mal com isso, então se tem algo errado no capítulo ou se vocês odiarem, me desculpem, por favor...
Boa sorte pra quem vai comprar o ingresso e estou muito feliz por quem vai, vocês não imaginam a sorte que têm...
Bom, é isso... até o próximo capítulo e não esqueçam de mim ><

06/07/2013

4º Young, Wild and Free. + BT SP

21 comentários: | |
Acordei no outro dia morrendo de vontade de voltar pra cama de novo. Olhei o Justin que ainda dormia e fui até o telefone que tinha no quarto. Forcei muito minha memória pra lembrar o numero do Pedro, e disquei, rezando pra ele me atender. Chamou umas 3 vezes.

Pedro: Alô? - Atendeu
Alícia: Maninhooooo!! - Respondi empolgada ao ouvir a voz dele.
Pedro: Caralho, onde tu tá Alícia?
Alícia: Meu... vem me buscar? Tô com o Justin.
Pedro: ONDE PORRA? - Gritou
Alícia: Vou te mandar o endereço por mensagem e a história te conto no caminho. Ah, tras dinheiro!
Pedro: Tá, tchau. - Desligou

Mandei o endereço da pousada pra ele por sms imediatamente, ele logo respondeu que já estava indo. Sentei na cama e fiquei lendo uma revista que tinha por lá, Justin ainda dormia e eu não tinha o que fazer.

Uns 50 minutos depois, o Pedro me ligou avisando que já havia chegado. Acordei o Justin e enquanto ele levantava e etc, fui "fechando a conta" na recepção.

Pedro: Vocês são foda viu. - Disse assim que eu terminei de contar a história pra ele, já estávamos no meio do caminho de volta pra casa.
Alícia: Não foi culpa nossa.
Justin: Parem. Eu quero é chegar em casa e dormir na minha cama maravilhosa. Aquele colchão duro fodeu minhas costas.
Alícia: Somos dois.
Pedro: Vocês me estressam. - Revirou os olhos.
Justin: Qual o rolê de hoje? - Ignorou o Pedro, que tava bem puto mesmo.
Alícia: Nenhum, quero dormir.
Justin: Nossa. - Ficamos em silêncio até chegar na casa dele.
Pedro: Tchau bro!
Justin: Valeu irmão! Se cuida Lícia. - Saiu do carro e bateu a porta.
Alícia: Tchau.

Em 10 minutos estávamos em casa. Finalmente.
Peguei uma bisnaguinha e deitei no sofá, Pedro deitou comigo e dormimos de conchinha. 
Nada demais.
Acordei com o meu celular tocando. Era a Cami.


 "A parte boa" só que ao contrário.
Brasileira com cara de Americana e corpo de Carioca.
Cabeça dura, mora com os pais.
Riquinha, patricinha, pega todos no rolê.

Ligação mode on.
Alícia: Eaí Cami.
Cami: Oi Lícia, poxa amiga, que saudade!
Alícia: É memo, tu sumiu guria!
Cami: Um pouco. Já entrou no twitter hoje?
Alícia: Não, por que?
Cami: Depois olha lá. Colocaram uma tag nos TTs pra você.
Alícia: Como assim? Que tag?
Cami: Olha lá. Beijos. - Desligou antes que eu pudesse responder.
Ligação mode off.

Entrei no twitter pelo celular mesmo e tinha várias mentions, a tal da tag era #AmamosJusticia. Que porra é essa?

@maliciamills: #AmamosJusticia? Alguém me explica?
@fulana1: @maliciamills Justicia = Justin + Alicia
@maliciamills: "Justicia" não existe, de onde vocês tiram essas coisas? Ahahah
@camicami: @maliciamills assssssume Lícia, assume! HAHAH
@maliciamills: fdp!! @camicami depois fala q ta com saudade né vadia

Sai do twitter rindo horrores. Esse povo tem uma imaginação muito fértil mesmo.
Tinha perdido o sono já. Tomei um banho e fiquei assistindo um pouco de TV.
Não sei, mas tava carente.

Alícia: Pedrinho meu amor, me abraça. - Chamei ele, que ficou estranhando e rindo da minha cara.
Pedro: Tpm?
Alícia: Não sei, vem aqui. - Puxei ele pela mão fazendo-o cair em cima de mim - Te amo maninho. - Abracei ele 
Pedro: Você ta me assustando.
Alícia: Não posso ser carinhosa não? Sai daqui então. - O empurrei 
Pedro: Bipolar. - Foi até a cozinha e depois voltou com uma xícara. - Ah, esqueci de te avisar - Tomou um gole da bebida - nossos pais vão vim jantar aqui hoje.
Alícia: Oi??? - Desacreditei.
Pedro: Eles disseram que estão com saudades e tem umas novidades pra dar.
Alícia: Eu vou ter que cozinhar?
Pedro: Provavelmente.
Alícia: Tá, o que eu faço?
Pedro: Sei lá, strogonoff. É bom e isso você cozinha bem.
Alícia: Obrigada. - Joguei meu cabelo, me gabando e ele riu.

Levantei correndo e fui pra cozinha. Ótimo, tinha todos os ingredientes pra um bom strogonoff de frango,
Coloquei meu iphone no ipig e fiquei ouvindo rap. Sim. Eu amo rap.
Comecei a preparar o jantar e acabei uns 40 minutos depois pois não tinha feito só strogonoff.
Já era quase 19h, me troquei e fiquei jogando videogame com o Pedro.
Eu não tava nem um pouco animada. Depois que sai da casa dos meus pais fiz mais umas 8 tatuagens e coloquei 2 piercings, minha mãe odiava isso e com certeza ficaria me repreendendo. Pelo menos o Pedro levaria bronca também.

Pedro: Vou atender a porta, deve ser eles. - Assenti e ele levantou. Tocaram a campainha umas 3 vezes, não sabem esperar?! que porra. Ja tava tudo pronto.
Mãe: Oi filhota! - Me abraçou.
Alícia: Eai mãe. - Sorri falso e desfiz o abraço. - Paiiiiii!! - Corri pra abraçá-lo. Sempre fui mais apegada à ele.
Pai: Você ta linda, pequena. - Sorri e o abracei mais forte.

Meu pai é um amor. Sempre me apoiou e me ajudou em tudo, muito diferente da minha mãe.
Eu e minha mãe nunca nos demos muito bem, mas o Pedro e ela são muito próximos.

Resumindo a noite chata: Minha mãe chata ficou reclamando das tatuagens, lógico, como eu já esperava. Porém no jantar ela e meu pai elogiaram a comida, menos mal. Meu irmão ficou bêbado e acendeu um beck, minha mãe surtou mais ainda. Até que, finalmente uma coisa boa aconteceu: A novidade que eles tinham pra contar era que vão pros E.U.A e depositaram 40 mil na minha conta pra eu ir com o Pedro também. É, 40 mil reais. Enfim. A noite não foi muito agradável mas isso já era esperado.

Eu vou pra Disney!



Oi oi divas!
Desculpem a demora, pensei em sair do blog e tal mas tô de volta!
Falem comigo pelo twitter (que, por sinal, se vocês pedirem por mention eu sigo de volta), facebook e ask.

Sobre a Believe Tour em SP:
Eu não vou mais de M&G porque depois de uma conversa longa com a minha mãe, resolvemos que ano que vem, quando eu sair do país, irei num show e pegarei M&G, senão esse ano ia ficar um pouco apertado por conta dessa viagem, troca de casa/carro, etc.
eeeeeeeeentão, eu vou de pista normal com uma leitora (Giovanna, minha chará) e algumas amigas minhas, e quero saber quem vai também, pr'gente poder se ver!! Quero muito conhecer vocês! :)
Me respondam por favor.

Comentários:
Anônimo: Desculpa a demora. :/
Diana Barbi: Obrigada meu amor.
Ana Clara M.: õ/ sairamm!!
Nayane Bortoleti: Cooooontinueeeei.
Mayara Assis: Obrigada!
thais ( @h3ll0drew ): Obrigada pelo carinho viu meu amor? Feliz aniversário! ~de novo~ Te amo.
Glória Sandi: Que bom que você gosta linda, obrigada por ler!! s2
Anônimo: Ta aí.
Giiuly Andrade: Pronto.
Bianca Gabriela Martin: Pronto linda.
Anônimo: Ok
Anônimo: Disse que tentaria.
Anônimo: Ta aí!
Anônimo: Se tu não tem mais o que fazer da sua vida, pau no teu cu! Eu tenho MUITO o que fazer. E vadia é a senhora tua mãe. Beijo
Midiane dos Santos: Desculpa a demora meu amooor!!
Anônimo: Postei

+ 20 comentários