28/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 28

7 comentários: | |
   

Acordei no mesmo horário de sempre, 7h30min. Hoje estava animada para ir para a escola, pois era sexta, ia gravar meu primeiro single e ia jantar com os pais de Justin à noite. Meu Deus, eu esqueci de avisar minha mãe.
Fui correndo até a cozinha e por sorte minha mãe ainda estava lá.
Carly: Mãe, que bom que você está aí. Esqueci de te avisar algo.
Lauren: O que filha? - Ela disse e comeu um pedaço de pão.
Carly: Pattie nos convidou para jantar com ela hoje. Vamos?
Lauren: Claro, eu ia adorar. Vamos assim que eu chegar do trabalho.
Carly: Ok. Vou me arrumar agora. Tchau, mãe. - Dei um beijo na bochecha dela e subi. Peguei minha roupa no guarda-roupa e vesti. Penteei meu cabelo, tomei café e escovei o dente.
O ônibus já me esperava, entrei e sentei do lado de Austin.
Carly: Oi senhor Mahone.
Austin: Oi senhora Miller. - Rimos e nos abraçamos.
Carly: Trouxe seu caderno. - Abri minha mochila, tirei o caderno e entreguei para ele. - Obrigada. - Sorri.
Austin: De nada. - Ele sorriu também e guardou o caderno na mochila.
Austin: Que dia você vai lançar seu single?
Carly: Se tudo der certo, segunda-feira ela já vai estar no youtube.
Austin: Vou ser o primeiro a escutar. - Ele sorriu.
Carly: Awn, muito divo você. - O abracei e ele riu.
Ficamos conversando até chegar na escola.
Fiquei a aula inteira com Austin e logo já estava na hora da saída. Estava caminhando com Austin até o ônibus até que um carro para na nossa frente. Só podia ser ele, Justin.
Justin: Oi Austin. Tudo bom?
Austin: Oi, tudo bem e com você?
Justin: Estou bem. Carly, vim te buscar pra irmos ao estúdio.
Carly: Mas já? Com essa roupa e sem tomar banho?
Justin: Não temos tempo Carly. A música tem que estar pronta até segunda e já é sexta. Você toma banho quando chegar em casa.
Carly: Tudo bem. Tchau Austin. Depois falo com você. - O abracei.
Austin: Tchau Carly. Tchau Justin. - Ele disse e entrou no ônibus.
[...]
Justin: Vamos parar em algum restaurante para almoçarmos. - Ele disse enquanto dirigia pelas movimentadas ruas de Los Angeles.
Carly: Ok.
Ele dirigiu por mais alguns minutos e então parou em um restaurante. Almoçamos e fomos para o estúdio. Scooter, Alfredo e Katy estavam ali. Cumprimentei eles.
Scooter: Você sabe toda a letra certo?
Carly: Sim.
Scooter: Então pode ir lá. Quando eu der o sinal você começa. - Assenti.
Esperei pelo sinal de Scooter e então comecei a cantar.
[...]
Demoramos várias horas para conseguir terminar, mas conseguimos deixar tudo perfeito.
Scooter: Agora o Alfredo vai editar e então vamos postar na sua conta no YouTube.
Carly: Estou tão ansiosa. Será que vão gostar?
Justin: Tenho certeza que sim. Você é incrível. - Ele me deu um selinho.
Carly: Obrigada. - Sorri.
Scooter: Fredo, acha que dá pra terminar até segunda?
Alfredo: Claro que sim. Quando terminar eu aviso.
Justin: Ok. Agora vou levar a Carly em casa. Tchau. - Nos despedimos deles e Justin me levou até em casa.
Carly: Não pode ficar nem um pouquinho aqui? - Estávamos em frente a minha casa e eu insistia para Justin ficar um pouco.
Justin: Não dá. Tenho algumas entrevistas. - Ele me deu um selinho.
Carly: Tudo bem. Depois eu vou com a minha mãe até sua casa.
Justin: Não quer que eu venha buscar vocês?
Carly: Não precisa. Minha mãe vai com o carro dela.
Justin: Ok. Vou esperar vocês lá.
Carly: Ok. Tchau bebê.
Justin: Tchau shawty. - Eu o beijei.
Fiquei esperando Justin partir e então entrei em casa. Coloquei comida pro Bob e brinquei um pouco com ele, depois fui fazer a lição de casa.

27/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 27

5 comentários: | |
     

Acordei com Bob me lambendo. Ri e coloquei ele no chão em seguida.
Peguei meu celular para ver as horas e tinha uma mensagem de Justin:
"Vou te buscar às 20h para jantar. Beijos, Justin."
20 horas? Mas já eram 19h. Tinha que me arrumar bem rápido. Tomei banho e depois saí vestindo um roupão. Fui até meu guarda-roupa e revirei tudo até achar algo que me agradasse.
Me vesti e fiz um make leve. A campainha tocou e desci a escada correndo.
Carly: Já vai. - Gritei enquanto descia a escada correndo. Abri a porta e era Justin.
Justin: E ainda dizem que perfeição não existe. - Ele disse me olhando dos pés à cabeça.
Carly: E quando a gente acha que uma pessoa não pode ficar mais linda... - Ele riu e depois me beijou.
Justin: Podemos ir?
Carly: Sim. - Fechei a porta e entramos no carro de Justin. Não demorou muito a chegar. Entramos no restaurante e pedimos uma mesa.
Justin: Minha mãe disse para convidar você e sua mãe para jantar conosco amanhã.
Carly: Claro, eu ia adorar.
Justin: Ela quer ter certeza que você é uma boa pessoa.
Carly: Ela está certa.
Justin: É. Mães sempre estão certas. - Nós rimos.
Carly: Pior que é.
Justin: Acho que meu pai, Jazmyn e Jaxon vão vim pra cá hoje.
Carly: Awn, eles devem ser tão lindos.
Justin: Eles são. Você vai adorar eles. - Ele bebeu um pouco da água. 
Nosso jantar chegou depois de um tempinho. Comemos e depois decidimos andar um pouco. Claro que não íamos muito longe pois era perigoso.
Justin: Animada pra gravar seu primeiro single amanhã? - Ele disse enquanto andávamos.
Carly: Muito. Espero que as pessoas gostem.
Justin: Elas vão adorar. Tenho certeza. - Ele sorriu e eu dei um selinho nele.
Uma garotinha que aparentava ter uns 9 anos veio até nós.
Garotinha: Justin, poderia tirar uma foto comigo?
Justin: Claro. - Justin pegou a câmera que estava na mão dela.
Garotinha: Você é a namorada do Justin? - Ela disse à mim.
Carly: Sim, sou eu sim. - Sorri.
Garotinha: Vem tirar uma foto com a gente. Você é tão linda. - Sorri e fiquei do lado deles. Justin tirou a foto.
Garotinha: Muito obrigada. Vocês são tão lindos. Quero que fiquem juntos para sempre. Tchau.
Justin: Tchau linda. - Nós a abraçamos e ela foi ao encontro de sua mãe.
Justin: Já está ganhando fãs viu?
Carly: É, espero que eles gostem da minha música.
Justin: Eles vão gostar sabe porque? - Ele ficou de frente pra mim.
Carly: Porque? - Coloquei meus braços em volta do pescoço dele.
Justin: Porque você e a pessoa mais talentosa, linda e legal que eu conheço. - Ele me beijou. Justin, como você consegue ser tão fofo, romântico e lindo?
[...]
Ficamos andando mais um pouco e depois voltamos para o carro de Justin. Tínhamos que voltar para casa pois já estava ficando tarde.
Justin me levou até em casa e eu fui acessar as minhas redes sociais antes de dormir.
Entrei no Facebook e tinha várias solicitações de amizades, mas eu não podia aceitar quem eu não conheço. No Twitter tinha várias mentions, respondi algumas e depois entrei no tumblr. Pela primeira vez eu tinha várias asks. Todas falando sobre Justin. Respondi várias, mas tinha uma que chamou a minha atenção.
"Olá, você é Carly Miller certo? A namorada do Justin Bieber, ou melhor, a namorada da minha inspiração. Eu só queria te dizer que eu não te odeio, pelo contrário, eu te amo. Nunca vi Justin tão feliz igual ele está ao seu lado. Nunca vi os olhos dele brilharem tanto igual eles brilham quando ele está com você. Eu quero agradecê-la por fazê-lo feliz e saiba que eu sempre vou dar todo apoio a vocês, mesmo querendo estar no seu lugar. E quero te pedir uma coisa: cuide bem dele, porque meu mundo está em suas mãos."
Deixei algumas lágrimas caírem. Era impossível não chorar com isso. Eu realmente não sabia o que responder. Deixaria para responder outro dia, então desliguei o computador e deitei na minha cama.
Pensei em tudo que aconteceu na minha vida e pensei se eu realmente queria me tornar uma cantora. Ter milhões de pessoas sabendo da minha vida e ter que me privar de várias coisas. Realmente era isso que eu queria? 
Acabei adormecendo em meio aos meus pensamentos.

23/04/2012

Nenhum comentário: | |
Gente, o Justin está perdendo nessa votação para o Luan Santana. Votem nele porque nós somos os melhores fãs certo? Somos uma família, não é? Votem nele toda hora porque a votação só vai até o dia 30. Pleeeease.

22/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 26

6 comentários: | |
Acordei e olhei as horas no celular. 8h30min. Legal, meu celular não despertou e eu estou atrasada. Levantei e tomei um banho super rápido de uns 5 minutos. Penteei meu cabelo, me vesti e desci. Não tomaria café hoje. Peguei minha mochila e saí correndo. Teria que esperar o ônibus, o que demoraria bastante pois existem poucos ônibus aqui em Los Angeles. Fiquei uns 10 minutos lá no ponto, até parar um carro na minha frente. Era Justin.
Justin: Quer carona moça bonita?
Carly: Claro gentil rapaz. - Nós rimos e eu entrei no carro.
Justin: Está bem atrasada. - Ele olhou o relógio de pulso rapidamente e depois voltou a fitar a pista.
Carly: Sim, meu celular não despertou e vou ter que entrar na segunda aula. O diretor não vai gostar nada.
Justin: Que horas é a segunda aula?
Carly: 10h30min.
Justin: Então dá tempo de irmos no Starbucks.
Carly: Pode ser. - Ele virou em uma rua à direita.
Carly: Justin, para onde você estava indo?
Justin: Tomar café e depois ir no estúdio.
Carly: E eu não vou te atrasar?
Justin: Relaxa, eu vou ligar pro Scooter. - Assenti.
Chegamos no Starbucks e pedimos Cappuccino. Sentamos em uma mesa e Justin ligou pro Scooter.
Justin: Scooter ligou para a Katy e ela só tem horário para a reunião às 11h20min.
Carly: Mas eu vou estar na escola.
Justin: Você pode faltar né?
Carly: Tenho que avisar minha mãe. E você tem que falar com o chefe dela.
Justin: É verdade. Temos que ir lá. Onde é?
Carly: Não sei. Tenho que ligar pra ela. - Liguei para minha mãe e expliquei tudo a ela. Ela passou o endereço e o nome do chefe dela, então eu e Justin fomos até lá.
Justin: Tomara que ninguém aqui seja fã do Justin Bieber. - Ele riu.
Carly: Vamos entrar pra ver né. - Saímos do carro e caminhamos até a recepção. Minha mãe trabalhava em uma empresa de construção. Ela era arquiteta.
Quando entramos todas as pessoas olharam para nós.
Justin: Eu gostaria de falar com o Senhor Simon Lawrence.
Recepcionista: Vou ver se ele pode atendê-lo. - Ela ligou para algum lugar e óbvio que Simon autorizou.
A recepcionista nos guiou até a sala dele e nós entramos.
Simon: Entrem e podem sentar. - Nós sentamos.
Justin: Muito prazer. - Eles se cumprimentaram.
Simon: O prazer é meu.
Justin: Essa é a filha da Sra. Lauren e nós precisamos urgentemente de um favor seu.
Simon: Pode falar.
Justin: Nós precisamos que o Sr. deixe a Lauren sair às 11h para tratar de alguns negócios importantes.
Simon: Não sei. Nós temos muitos serviços aqui hoje e ela é a única arquiteta disponível.
Justin: É só por 2 horas no máximo. Por favor.
Simon: Tudo bem, mas é só por 2 horas. Nenhum minuto a mais.
Justin: Muito obrigada Senhor. - Nós nos despedimos dele e saímos. Alguns funcionários pediram pra tirar fotos e autógrafos, mas nada fora do normal.
Justin: Agora vamos pro estúdio e você pode ficar me vendo gravar. - Ele me deu um beijo e então deu a partida.
Chegamos no estúdio 10h10min e Scooter, Alfredo e mais algumas pessoas que eu não conhecia estavam lá. Cumprimentei todos e sentei no sofá, enquanto Justin gravava.
De vez em quando ele parava pra ficar um pouco comigo, e depois continuava. As músicas estavam ficando muito perfeitas. Nunca imaginaria que pudesse ser uma das primeiras pessoas a ouvir elas. 
Justin ficou gravando até as 11h10min.
Justin: O que achou? - Ele sentou do meu lado.
Carly: Perfeito. Nunca imaginei que um dia ia ser uma das primeiras pessoas a escutar um CD seu. - Dei um selinho nele.
Justin: E algum dia você imaginou isso? - Ele me beijou. Sorri durante o beijo. Ele parou o beijo e me deu vários selinhos depois.
Carly: Imaginar eu já imaginei, mas nunca achei que se tornaria realidade.
Justin: Never Say Never. - Ele me beijou novamente.
Scooter: Desculpa interromper os pombinhos, mas a mãe da Carly já chegou e está subindo. (o estúdio ficava no 4º andar de um prédio.)
Justin: Ok. - Ficamos ali conversando sobre minha carreira até a Katy chegar, o que não demorou. Depois fomos até uma sala de reuniões que tinha no mesmo prédio.
Na reunião Katy disse que eu ia assinar com a mesma gravadora que ela e Justin, a Island Def Jam. Scooter seria meu empresário e minha mãe teve que assinar alguns papéis. Combinamos de gravar minha primeira música amanhã depois da escola. Foi apenas isso. Terminamos a reunião e minha mãe voltou pro trabalho. Eu e Justin decidimos ir até o shopping. Tinha vários paparazzis na saída do estúdio. Entramos no carro depois de bastante dificuldade e Justin decidiu falar com eles.
Paparazzi: Você e Carly Miller estão namorando?
Justin: Sim, nós estamos.
Paparazzi: E você está fazendo ela virar uma cantora?
Justin: Eu não estou fazendo, ela já é. Eu apenas estou ajudando ela a ter reconhecimento.
Paparazzi: E quando sai o primeiro single dela?
Justin: Em breve. Ela vai começar a gravar amanhã.
Paparazzi: Obrigada Justin e tenha um bom dia.
Justin: Vocês também. Tchau. - Justin deu a partida e fomos até o shopping. Chegamos e por sorte, não estava muito cheio. Assim poderíamos andar com tranquilidade.
Justin: Me ajude a comprar algumas roupas pra mim.
Carly: Seria um prazer. - Nós rimos. Fomos até uma loja e compramos várias peças de roupa.
Justin: Agora vamos comprar algumas roupas pra você.
Carly: Justin, eu já disse que não precisa gastar seu dinheiro comigo.
Justin: É só um presente. Por favor.
Carly: Justin...
Justin: Eu vou ficar triste se você não aceitar.
Carly: Tá bom, mas é só dessa vez.
Justin: Yeeeeeaaah. - Nós rimos.
Entramos em algumas lojas e compramos algumas roupas. Depois Justin foi me levar em casa, pois tinha que voltar para o estúdio.
Carly: Biebs, pode me deixar aqui. Eu vou na casa de Austin pedir o caderno dele emprestado. - Estávamos na frente da casa de Austin.
Justin: Eu vou com você. Vamos fazer uma surpresa pro Austin. Ele é meu fã certo?
Carly: Sim. Vamos lá então. - Saímos do carro e a Austin atendeu.
Austin: OMG. - Nós rimos e Austin continuou com aquela cara de espanto.
Justin: E aí bro? Tudo bom? - Eles se cumprimentaram.
Austin: Tudo sim. E você?
Justin: To bem.
Carly: Mas então Austin, eu queria saber se você podia me emprestar seu caderno para copiar a matéria de hoje.
Austin: Ah sim, está lá em cima. Eu vou buscar. Vocês podem vir comigo se quiserem.
Carly: Nós queremos. - Subimos até o quarto de Austin e o quarto dele era cheio de cartas de fãs. Nas paredes, tetos, guarda-roupa, TUDO.
Justin: Seu quarto é muito foda. - Ele disse olhando as cartas.
Austin: Obrigada. - Ele sorriu e tirou o caderno que estava dentro da mochila.
Olhei para Justin e ele estava sorrindo e olhando para um boneco dele em uma prateleira. Sorri também.
Austin: Aqui o caderno, Carly. - Ele me deu o caderno.
Carly: Obrigada Austin. Mais tarde eu trago aqui.
Austin: Pode me entregar amanhã. Não tem lição.
Carly: Ok. Tchau. - Dei um abraço nele. 
Justin: Tchau mano. - Eles deram um aperto de mão.
Austin: Tchau.
Entramos no carro de Justin e ele me levou até em casa, que não era longe mas ele fez questão.
Justin: Tchau shawty. - Ele me deu um beijo.
Carly: Tchau bebê. - Dei um selinho nele e saí do carro. Entrei em casa e fui colocar comida pro Bob. Depois fui copiar a matéria e quando terminei fui dormir um pouco, com o Bob.

19/04/2012

3 comentários: | |

Lembra disto? Quando um bom amigo [sem nomes apenas as iniciais, KS] descobriu que tinha câncer, Justin raspou a cabeça para ele não se sentir mal. Justin é o mais bondoso garoto na face da Terra, não julgue-o por suas mudanças, ele está crescendo.. Ele tem que crescer. Então, se você é um Belieber de verdade, então é melhor não julgá-lo, ele está tentando coisas novas, ele está crescendo, mas independentemente disso, ele sempre será Kidrauhl. Justin é um bom amigo, um bom modelo, e me mata saber que ele perde Beliebers por fazer coisas novas. Ele tem problemas demais, ele quer só ir ao topo de uma montanha e gritar os seus problemas, mas ele é forte. Forte o suficiente para dar, por vezes, um sorriso falso e mentir dizendo que ele está bem, e forte o suficiente  para enfrentar suas emoções. Eu te amo mano. - Christian Beadles


18/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 25

8 comentários: | |
Chegamos no estúdio e Katy ainda não tinha chegado. Fiquei sentada em um sofá com Justin enquanto Scooter mexia em seu iPhone.
Justin: Ansiosa?
Carly: Óbvio que sim. - Ele deu uma risada fofa. Katy chegou depois de uns 5 minutos.
Katy: Desculpem o atraso. - Ela entrou no estúdio, acompanhada de seu segurança. - Hey Justin. Tudo bom? - Ela cumprimentou ele.
Justin: Tudo ótimo e com você?
Katy: To bem também. E quem é a Carly?
Justin: Ela. - Ele apontou pra mim e ela veio até mim.
Katy: Oi Carly. - Ela me cumprimentou.
Carly: Oi. - Disse tímida. A Katy era tão linda pessoalmente. E fofa.
Katy: Não fique tímida. - Ela me abraçou.
Carly: Vou tentar. - Sorri.
Katy: Quero te ouvir cantar. Vai lá. - Ela me deu um empurrãozinho e eu ri.
Entrei naquela salinha e comecei a cantar The One That Got Away - Katy Perry. Quando terminou a música, voltei até onde eles estavam.
Carly: E então? - Fiquei do lado de Justin.
Katy: Sua voz é... - Ela pensou um pouco. - PERFEITA. Estou impressionada. Você tem muito talento Carly. Onde você descobriu ela Justin?
Justin: Na verdade foi ela que me encontrou né Carly?
Katy: Como assim?
Justin: Conheci Carly em Londres. Aí começamos a sair e então estamos... namorando. - Justin passou seu braço em torno da minha cintura.
Katy: Awn que fofos. Muitas felicidades pra vocês. E Carly, quero ver uma música sua em breve ok?
Carly: Pode deixar. - Sorri.
Katy: Tenho que ir à uma entrevista agora. Quando tiver alguma música pronta vocês me liguem. - Ela abraçou todos nós e depois foi embora.
Scooter: Carly, vamos marcar uma reunião com a sua mãe, Katy e todos nós. Avise a ela. E você precisa escrever seu primeiro single. - Scooter disse enquanto discava um número em seu celular.
Carly: Eu já escrevi uma música enquanto morava em Londres. Não sei se vocês vão gostar, mas eu posso ir buscar.
Scooter: Ok. Justin leve-a lá. - Scooter saiu, parecia estar resolvendo coisas importantes.
Justin: Não sabia que você escrevia músicas. - Ele disse enquanto caminhávamos até seu carro.
Carly: Só escrevi essa. Estava entediada. Mas ela não é boa.
Justin: Deve ser ótima. - Ele abriu a porta do carro para mim entrar. Depois entrou também e colocou o cinto.
Justin: Sua mãe está em casa?
Carly: Não, ela está trabalhando.
Justin: E você já contou pra ela sobre se tornar uma cantora?
Carly: Não. - Tinha esquecido de contar pra minha mãe. E se ela não concordar com isso?
Justin: Tá doida é? Tem que contar Carly.
Carly: Eu sei, é que esqueci. Vou contar pra ela hoje.
Justin: Ok. - Ele sorriu e continuou a dirigir. Chegamos na minha casa e fomos até meu quarto. Peguei um caderno meu antigo e arranquei a folha que estava escrito a música.
Justin: Deixa eu ver. - Entreguei a folha à ele que leu rapidamente.
Carly: O que achou?
Justin: Carly é uma ótima música. Vai fazer bastante sucesso. Já até pensei em como ela vai ficar.
Carly: Ah para, nem é tão boa assim.
Justin: Não, está maravilhosa. Vamos logo. Tenho que mostrar isso pro Dan. - Ele me deu um beijo e depois segurou minha mão. Entramos no carro de Justin e fomos para o estúdio. Dan já tinha chegado lá. Nos cumprimentamos e então começamos a planejar a música. O nome seria "My Angel" e começaríamos a gravar depois de amanhã. Amanhã seria a tal reunião.
[...]
Já estava tarde e eu teria que voltar pra casa. Justin me levou até lá.
Justin: Vou ficar aqui até sua mãe voltar.
Carly: Ok. - Sentei no mesmo sofá que ele e ele deitou no meu colo. (Com a cabeça no meu colo. Ah, vocês entenderam né?)
Justin: Carly, acho que já está na hora de contar sobre nós. Não quero mentir para os meus fãs. Já fiz isso uma vez e sei o quanto foi doloroso pra eles.
Carly: Eu também acho. Eu sei o quanto doeu. Vou te apoiar em qualquer decisão que você tomar, desde que seja certa e essa é a certa.
Justin: Então é isso que eu vou fazer. Vamos fazer uma Twitcam e contar.
Carly: Quando?
Justin: Agora. Vai lá pegar o seu notebook.
Carly: Tá, né. - Subi correndo e peguei meu notebook. Desci e Justin colocou o notebook no colo dele. Conectou na sua conta do Twitter e depois entrou no Twitcam.
Justin: Olá minha Beliebers. Como estão? Eu estou aqui porque quero que vocês sejam os primeiros a saber de uma coisa. É algo muito especial pra mim e quero que vocês me apoiem, se quiserem. Eu conheci uma garota muito especial, quem eu sempre procurei e nós estamos namorando. Ela está aqui do meu lado e quero que vocês a vejam. - Ele me puxou e eu disse apenas um "oi". - Ela é Belieber assim como vocês e também é muito timida. - Nós sorrimos. - Está começando sua carreira de cantora e espero que gostem dela. Nunca esqueçam que vocês são a coisa mais importante da minha vida. Amo vocês. Tchau. - Ele desligou ao notebook e depois me beijou.
Carly: Agora é oficial. - Sorri.
Justin: Sim e nada vai nos separar.
Carly: Quem disse que eu quero me separar de você? - Ele sorriu e me beijou.
Lauren: Que casal mais romântico. - Nos separamos rapidamente. Minha mãe estava parada atrás de nós sorrindo e com um monte de sacolas.
Justin: Deixa que eu ajudo a senho... Quer dizer, você. - Ele sorriu e pegou as bolsas da minha mãe.
Lauren: Que rapaz mais educado. - Justin riu e foi levar as bolsas até a cozinha. Eu e minha mãe fomos atrás.
Carly: Mãe, temos que falar com você. É algo muito importante.
Lauren: Sentem e vão falando enquanto eu arrumo as coisas. - Nós sentamos.
Justin: Eu e Carly estávamos cantando e então eu percebi que ela tem um talento incrível. Levei ela até meu empresário e ele adorou, depois a Katy Perry quis assinar com ela e então precisamos saber a sua opinião. - Minha mãe olhava assustada pra gente.
Lauren: Pode explicar direito?
Carly: É isso que você ouviu, mãe. Precisamos que você autorize e compareça a todas as reuniões.
Lauren: É claro que eu autorizo. - Ela disse super animada e abraçou eu e Justin ao mesmo tempo. Nós rimos.
Carly: Muito obrigada mãe.
Lauren: Quando é a primeira reunião?
Justin: Amanhã às 19h.
Lauren: Não sei se meu chefe vai me autorizar a sair 1 hora mais cedo.
Justin: Se o Justin Bieber pedir ele deixa?
Lauren: É, acho que sim. - Nós rimos.
Justin: Amanhã eu vou lá falar com ele. Tenho que ir agora. Tchau Lauren. - Eles se abraçaram e eu fui com Justin até a porta. Me despedi dele, fui jantar e depois fui dormir, já que amanhã teria aula.

5 comentários pro próximo.

Amoores, a internet não estava funcionando, eu juro . D: Vou postar daqui a pouco. Leiam esse texto enquanto não posto.

2 comentários: | |

Caro Justin: É estranho não vê-lo todos os dias, você não tem ideia da imensa dor que eu sinto. Selena é uma garota incrível, muito talentosa e tem uma vida inteira pela frente, assim como você, você é um cara que eu tive a oportunidade de ter na minha vida e de ser sua namorada por muitos meses. Você realmente acha que é hora de ter um relacionamento SÉRIO com ela? Vocês são jovens. Christian está muito chateado com você, por duas coisas muito simples… primeiro, você mentiu para as suas Beliebers… Você se lembra? Aqueles que o ajudaram fazer isso tudo possível, que tem ajudado você a ganhar milhões e milhões de dólares, e não Selena. Ela só vai ser sua namorada e permanecerá assim, ela não ajuda em nada, apenas seus fãs, que suportam ter que assistir os beijos entre você e Selena. Você acha que você não percebe que foi Selena? Você deve-lhes muito, muito. E segundo, nunca se atreveu a ser corajoso e dizer que tinham uma relação com Selena. Quanto tempo esta mentira? Sinto muito, todos os dias eu assisto a notícia e eu estou triste, eu sei o que aconteceu e nós somos apenas amigos, eu não sinto mais nada por você, você tem feito a sua vida e eu a minha, mas me deixou com raiva, porque todo esse tempo você agradeceu a eles, talvez antes, mas depois esqueceu de mencioná-los em cada prêmio. Todos os dias você vê os seus comentários no Twitter e dar-lhes RT sozinho, você vê todas aquelas meninas que publicam mais de 100 tweets em uma noite, e não da RT? Eu sei que você é o menino canadense, de uma família pobre, eu nunca quis dizer isso, mas você já me decepcionou muito. Você não pensa em seus fãs quando se agarra com Selena? Sim, você deve dizer ”Eles me entendem” mas você também tem fãs pequeno de 6, 7 anos. Várias meninas se suicidaram por causa disso, só acho que você deve parar, por favor, por você, por seus fãs, você sabe que eles nunca vão te abandonar, mas se você pode ver como rude você foi algumas vezes. Em entrevistas você disse ”Eu sei porque meus fãs odeiam Selena” São razões muito simples, eles sabem o que mais lhe convier, e que é bom ou ruim para você. Pense sobre seus fãs, e não sobre Selena e você, porque eles são os mais importantes… Com carinho,Caitlin Beadles

15/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 24

10 comentários: | |
Acordei, tomei banho e me vesti. Ainda estava frio em Los Angeles então coloquei uma roupa quente. Desci e tomei meu café. O ônibus já estava me esperando. Entrei e sentei do lado de Austin.
Austin: Hey Carly. Tudo bom?
Carly: Sim e você?
Austin: Bem também. E como foi ontem? Deu tudo certo?
Carly: Certíssimo. Scooter adorou minha voz e sabe quem vai ser minha mentora?
Austin: Quem?
Carly: Katy Perry.
Austin: OMG. É sério?
Carly: Sim. Nem estou acreditando. Ela é tão diva.
Austin: Você vai me levar pra conhecer ela né?
Carly: Claro. Todos os famosos que você quiser. - Ele sorriu. O ônibus chegou e nós descemos.
Austin: Vou lá falar com o Alex. (Alex Constancio é o melhor amigo do Austin)
Carly: Ok. Nos vemos na sala. - Ele sorriu e saiu. Fui falar com Melissa, que estava sentada lendo um livro.
Carly: Oi Melissa.
Melissa: Oi Carly. Tudo bem?
Carly: Sim e você?
Melissa: To bem. Posso te fazer uma pergunta? Mas não pense que eu sou intremetida, chata e tals. É só por curiosidade.
Carly: Claro.
Melissa: Você está saindo com o Justin Bieber não tá?
Carly: Sinceramente sim. - O sinal bateu antes dela dizer alguma coisa. Pegamos nossas mochilas e entramos na escola. Melissa é de outra sala, a mesma de Alex. Entrei na sala e Austin já estava lá.
Sentei no meu lugar, atrás dele. O professor já tinha chegado na sala, então não deu tempo de conversar.
[...]
Já estávamos no ônibus, voltando pra casa.
Austin: Ainda vai tomar sorvete comigo?
Carly: Claro que sim. Depois que eu almoçar, vou lá na sua casa.
Austin: Ok.
[...]
O ônibus chegou e eu fui almoçar. Comida congelada de novo. Terminei de almoçar e fui tomar banho. Me vesti, peguei meu iPhone e depois fui até a casa de Austin. Toquei a campainha e ele abriu a porta.
Austin: Já estava indo lá na sua casa. - Ele fechou a porta e começamos a andar.
Carly: Estava tomando banho. Por isso demorei.
Austin: Mulheres...
Carly: Nem sou assim. Eu não ligo muito pra moda.
Austin: Por isso você é legal. Odeio garotas patricinhas. - Sorri. Meu celular tocou em seguida. Era Justin. Disse que vinha me buscar às 19h para ir ate o estúdio.
Carly: Era Justin. Vamos ao estúdio 19h.
Austin: Você é a pessoa mais sortuda que eu conheço Carly. Você vai ficar muito famosa com o Justin e a Katy Perry te divulgando. - Eu sorri.
Carly: A primeira pessoa que eu vou fazer uma parceria é com você. - Ele sorriu.
Austin: Vai querer qual sabor? - Já estávamos na sorveteria.
Carly: Chocolate.
Austin: 1 de chocolate e 1 de morango. - Ele disse ao atendente que voltou depois de 3 minutos com o nosso sorvete. Terminamos de comer e voltamos para casa 17h.
Carly: Tenho que ir pra casa Austin.
Austin: Ok. Até amanhã. - Ele me abraçou.
Carly: Até. - Ele entrou em casa e eu fui para a minha. Abri a porta e Bob veio até mim.
Carly: Hey Bob. Está com fome? - Fui com ele no colo até a cozinha e coloquei um pouco de ração no pote dele. Deixei ele lá e fui tomar um copo d'água. Depois subi e fui tomar banho. Terminei e era 17h35min. Decidi ver televisão um pouco. Fui para a sala e sentei no sofá com Bob no meu colo. Fiquei mudando de canal até achar algo bom pra assistir. iCarly.
A campainha tocou. Era Justin. Ele me beijou quando eu abri a porta.
Carly: Você não vinha me buscar 19h?
Justin: Sim, mas eu decidi vim um pouquinho antes pra ficar com você. Tá fazendo o que? - Ele entrou e sentou no sofá, com o Bob no colo.
Carly: Apenas assistindo TV. - Sentei do lado dele.
Justin: Ficou fazendo o que a tarde toda?
Carly: Fui na sorveteria com Austin. Apenas tomar sorvete e conversar ok? - Ele riu.
Justin: Tudo bem, Carly. Eu confio em você e não vou te privar de sair com seus amigos. - Eu sorri e o beijei. Depois ficamos abraçados assistindo TV até 18h20min e eu fui me arrumar.
Me vesti e depois arrumei meu cabelo.
Desci e Justin ainda estava vendo televisão.
Justin: Nossa, isso tudo é meu? - Ele disse assim que me viu e eu dei uma risada irônica.
Carly: Vamos?
Justin: Sim. - Coloquei Bob em sua cama e fechei a casa. Entramos no carro de Justin e fomos para o estúdio.


5 comentários pro próximo.

Desculpem não postar, eu estava viajando. Enquanto eu não posto, leiam esse texto super lindo que o Justin escreveu.

7 comentários: | |



“Às vezes, me pego rindo sozinho, imaginando como deve ser namorar uma Belieber. Seria incrível. Eu me sentiria seguro por estar fazendo uma princesinha tão feliz, porque eu saberia a importância desse relacionamento na vida dela. Imagina você namorando o seu ídolo? É assim que seria. Ela sempre iria me acordar com um ‘Bom dia, príncipe!’ e um belo sorriso estampado no rosto. Ela nunca pararia de sorrir. Imagina que louco uma menina que nunca para de sorrir? E logo uma Belieber, uma joia tão preciosa! E então, ela me contaria as aventuras que passou por mim: As lágrimas que derramou no colégio, as críticas que aguentava diariamente, as loucuras que cometeu por um ingresso do meu show em sua cidade, a empolgação em frente à TV vendo-me ganhar um prêmio. Ela demonstraria como foi sentir o sentimento inexplicável que sentiu após ouvir minha voz pela primeira vez, apenas com um beijo. Ela teria as letras de todas as minhas músicas decoradas, então poderíamos dançá-las e cantá-las loucamente na suíte de cada hotel que ficaríamos. E seria incrível pegá-la desprevenida, se descabelando inteira para votar em mim numa enquete. Imagina a alegria que sentiria vendo-me ganhar Awards pessoalmente! Imagina a intensidade das lágrimas que derramaria vendo cada show pelo Backstage? Imagina as risadas que daria, contando como foi no dia em que eu lancei uma música nova e ela não conseguia Wifi em nenhum lugar da sala de aula para ouvir a tal música! Imagina que orgulho que me daria, vendo-a sentando-se na beira da cama, abrindo sua caixinha de lembranças e bem lá no fundo, encontrar o ingresso do show em que me viu pessoalmente pela primeira vez? E logo depois, uma lágrima se escorrer de seu olho e um belo sorriso começar a se abrir no canto de sua boca! Imagina que irado que seria as fotos que tiraríamos juntos? E a farra no meu jatinho particular? Imagina nossas maravilhosas férias no Hawaii? São tantas coisas… Eu a faria mais feliz que nunca. E eu também seria feliz. Ela poderia fazer uma visita ao seu antigo colégio e dizer, olhando no fundo dos olhos de cada um que, um dia, duvidaram de sua capacidade de realizar seu sonho ou que disseram que eu não sabia de sua existência, deixando-a mal por causa disso, e dizer: ‘Eu consegui!’ E o mais incrível de tudo: Mesmo se um dia nos separássemos, ela nunca deixaria de me apoiar na pior ou na melhor das hipóteses, sabe por quê? ‘Once a Belieber, always a Belieber’, se lembra? Mas a verdade é que… Eu nunca me atreveria a me separar de uma Belieber. Ela seria a minha mulher para sempre. E quem sabe essa Belieber não é a que está lendo esse texto agora? Nunca desista dos seus sonhos. Eu te amo” - Justin Bieber

11/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 23

8 comentários: | |
Chegamos no estúdio depois de poucos minutos.
Justin: Heeeey. - Ele fez um 'toque' com todos que estavam ali. Scooter e Ryan Good.
Scooter: E aí irmãozinho? 
Justin: Essa é a Carly.
Scooter: A garota da linda voz? Justin falou muito bem de você. - Ele me cumprimentou e eu sorri. Depois os outros vieram me cumprimentar.
Ryan G: Vai cantar qual música Carly?
Carly: Give Your Heart a Break da Demi Lovato.
Ryan G: Então entra ali e quando eu der o sinal você começa a cantar ok?
Carly: Ok. - Eu disse e entrei na porta, onde era aquele lugar que fica o microfone. (Sabem o que é né? Eu não sei o nome KKK)
Ryan deu o sinal e eu comecei a cantar. Estava bem nervosa vendo todos eles ali me vendo e pior: me ouvindo cantar. Fechei os olhos, assim eu ficaria mais calma. Terminei a música e voltei até onde eles estavam.
Carly: O que acharam? - Justin me abraçou.
Scooter: Apenas 1 palavra: IN-CRI-VEL. Carly, você tem muito talento. Vamos começar a gravar em breve. Você tem que escrever algumas músicas.
Carly: AAAAAAAAAAAAAAH, gente, muito obrigada. Muito obrigada mesmo.
Justin: Você vai ser um sucesso Carly. - Ele me deu um selinho e em seguida Ryan G. entrou onde estavamos.
Ryan G: Scooter, eu liguei para quem você pediu e quem se interessou foi a Taylor Swift, Katy Perry e Rihanna.
Scooter: Ótimo. Carly, você precisa escolher uma dessas 3 para ser sua mentora. (Esse é o feminino de mentor?)
Carly: Ai meu Deus. E agora? Não pode escolher as 3? - Eles riram.
Justin: Não. Só pode 1.
Carly: Então, eu vou querer a Katy. Eu gosto muito da Taylor e da Rihanna, mas acho que a Katy tem mais influência com o público.
Scooter: Ótima escolha. Vou ligar pra ela e marcar um horário amanhã ok?
Carly: Ok. Muito obrigada. - O abracei.
Justin: Agora eu e a Carly vamos sair. Amanhã vocês falam mais com ela. - Ele segurou minha mão.
Scooter: Ok apaixonado. Vai lá. - Saímos e fomos para a rua.
Carly: Onde vamos?
Justin: Sei lá. Apenas andar e conversar.
Carly: Hm.. - Ele segurou minha mão e começamos a andar. Sentamos em um banco em uma praça.
Justin: Você vai ser famosa como eu.
Carly: Não é pra tanto né.
Justin: Eu irei te ajudar. Irei te divulgar.
Carly: Você é tão fofo Justin. Sempre preocupado com as pessoas.
Justin: Só com quem eu amo. - Ele sorriu, me fazendo sorrir também.
Justin: E como era sua vida em Londres?
Carly: Chata. Não tinha amigos. As pessoas da minha escola me criticavam por gostar de você.
Justin: Hoje elas tem inveja.
Carly: Eu já pensei em me cortar, mas eu sempre pensava em você. Lembrava que você não ia gostar de ver uma fã fazendo isso.
Justin: Não mesmo. Dói só de pensar que milhões de garotas sofrem por mim. Eu queria poder abraçar todas elas.
Carly: Você os ama demais né? Dá pra saber só pelo jeito que você fala deles. - Ele sorriu.
Justin: E seus familiares? Você tem muitos parentes lá?
Carly: Eu tenho parentes em vários países, mas a maioria é de lá.
Justin: Sinto saudades dos meus parentes. Eu os vejo raramente. Por mais que eu gosto do que eu faço, as vezes eu tenho vontade de ser uma pessoa normal.
Carly: Você largaria tudo?
Justin: Nunca, jamais. Eu amo o que eu faço e amo meus fãs. Eles são tudo pra mim e se eu largasse tudo, eles ficariam muito decepcionados. Eu não iria suportar.
Carly: É tão bom saber que você continua humilde. - Ele sorriu e em seguida me beijou. Ficamos mais um tempo ali e depois voltamos pra casa. 
Minha mãe dormia no sofá. Acordei ela, que foi para seu quarto. Depois subi, tomei um banho e fui dormir. Amanhã teria mais um dia de aula.




5 comentários pro próximo.

10/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 22

6 comentários: | |
Muito obrigada pelos elogios amores. Fico muito feliz em saber que vocês gostam. Amo vocês.
-
Acordei 7h30min, tomei banho e me vesti. Desci para tomar café e minha mãe estava terminando de comer seu pão.
Carly: Já está indo mãe? - Me sentei à mesa.
Lauren: Sim. - Ela levantou e colocou seu prato na pia. - Devo chegar lá pelas 19h. - Ela me deu um beijo e saiu. Terminei de tomar café e o ônibus já me esperava em frente à minha casa. Entrei e vi Austin sentado em um dos bancos do meio. Me sentei do lado dele.
Carly: Hey Mahone.
Austin: Hey Miller. - Ele me abraçou.
Carly: Como foi o passeio com seu pai?
Austin: Foi divino. - Ele gargalhou e depois pegou seu celular. - Olha. - Ele me mostrou uma foto dele com a Taylor Swift.
Carly: AAAH, você conheceu a Taylor. Como ela é pessoalmente?
Austin: Muuuuito linda e brincalhona. Ela continua humilde.
Carly: Awn que diva.
Austin: E você? O que fez ontem?
Carly: Ah é, eu tenho uma novidade.
Austin: Conta então.
Carly: Justin me ouviu cantar e vai me levar pra cantar pro Scooter. Segundo ele eu canto bem, mas eu não acho. - Disse baixo, para as outras pessoas não me ouvirem.
Austin: Você é muito sortuda, velho. - Ri e depois o ônibus chegou. Entramos e nos sentamos no mesmo lugar. O professor não demorou a chegar.
As aulas passaram rápido e eu fiz amizade com uma menina chamada Melissa.
[...]
Cheguei em casa e fui almoçar. Minha mãe não estava em casa, então teria que comer comida congelada. Não sei cozinhar muito bem. Terminei e a campainha tocou. Era Austin.
Austin: Cheguei pra animar sua tarde. - Nós rimos.
Carly: Seu besta, entra aí. - Ele entrou. - Vamos lá pro meu quarto. - Nós subimos.
Austin: Um poster do Justin? Você tem ele o tempo todo. - Ele me olhou confuso e eu ri.
Carly: Minha mãe pediu pra decoradora fazer antes de eu conhecer ele.
Austin: Vou te dar um poster meu. - Ele piscou pra mim e eu ri.
Carly: Ok, ok. Agora vamos fazer o trabalho que 17h eu tenho que sair.
Austin: Tá bom. - O trabalho era pequeno, mas demoramos a fazer porque ficávamos conversando e fazendo palhaçadas. Terminamos o trabalho às 4h.
Austin: Vou pra casa ok?
Carly: Austin, amanhã vamos tomar um sorvete?
Austin: Vamos, mas eu pago.
Carly: Tenho escolha?
Austin: Não.
Carly: Então tá né. - Ele riu.
Austin: Vou indo então. - Ele me abraçou.
Carly: Tchau. - Ele foi embora e eu fui tomar banho. Justin chegaria em 50 minutos. Precisava me arrumar bem rápido.
Terminei meu banho de 10 minutos e me vesti. Depois arrumei meu cabelo e fiz um make. Justin acabou de chegar. Fui abrir a porta e ele me beijou.
Justin: Usando Someday é?
Carly: Sim. O cheiro é muito bom. - Ele sorriu.
Justin: Vamos? Scooter já está nos esperando. - Assenti e fechei a porta. Entramos no carro de Justin e fomos para o estúdio.

5 comentários pro próximo.

09/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 21

7 comentários: | |
Carly: Vem, vamos lá pra cima. - Disse depois que terminei de colocar a louça na pia.
Subimos e Justin sentou na minha cama.
Justin: Vamos tocar algo.
Carly: É melhor você tocar primeiro.
Justin: Então você canta.
Carly: Se você quiser ter os seus tímpanos estourados. - Nós rimos.
Justin: Eu canto com você.
Carly: Ok, mas se você ficar com problema de audição não é culpa minha. - Nós rimos novamente.
Justin: Qual música?
Carly: More Than This do One Direction?
Justin: Pode ser. Eu começo e depois você continua.
Carly: Ok.
Justin começou a tocar e cantar.

More Than This - One Direction

~Justin cantando~

I'm broken, do you hear me?

I'm blinded, 'cause you are everything I see
I'm dancing, alone
I'm praying, that your heart will just turn around
And as I walk up to your door

My head turns to face the floor
'Cause I can't look you in the eyes and say

When he opens his arms and holds you close tonight

It just won't feel right
'Cause I can love you more than this
Yeah
When he lays you down,
I might just die inside, It just don't feel right
'Cause I can love you more than this
Can love you more than this

~Carly cantando~
If I'm louder, would you see me?

Would you lay down in my arms and rescue me?
'Cause we are the same
You save me
When you leave it's gone again

Then I see you on the street

In his arms, I get weak
My body fails, I'm on my knees
Prayin'

When he opens his arms and holds you close tonight

It just won't feel right
'Cause I can love you more than this
Yeah
When he lays you down,
I might just die inside, It just don't feel right
'Cause I can love you more than this
Yeah

~Justin e Carly cantando~
For a little while inside my arms
And as you close your eyes tonight
I pray that you will see the light
That's shining from the stars above
When he opens his arms and holds you close tonight

It just won't feel right

'Cause I can love you more than this
'Cause I can love you more than this (yeah)

When he lays you down,

I might just die inside, It just don't feel right
'Cause I can love you more than this
Yeah

When he opens his arms and holds you close tonight

It just won't feel right
'Cause I can love you more than this
(Yeah)
When he lays you down,
I might just die inside, (I don't care)
It just don't feel right
'Cause I can love you more than this
Can love you more than this

Justin: Carly, sua voz é linda. - Imaginem que a voz dela é mais ou menos assim.
Carly: Tá brincando né?
Justin: Não, é sério. Sua voz é linda.
Carly: Se você acha né.
Justin: Vou ligar pro Scooter. Ele tem que te ouvir cantar.
Carly: Não Justin. Tá maluco? As únicas pessoas que me ouviram cantar foi você e minha mãe.
Justin: Carly, sua voz é linda. Por favor, confia em mim.
Carly: Tá, tudo bem. - Justin pegou o celular e falou com Scooter.
Justin: Amanhã, 17h nós vamos até o estúdio.
Carly: Ok. 
Justin: Minha Carly vai virar uma cantora muito famosa. - Ele sorriu e me deu um beijo.
Carly: Você é muito bobo, velho.
Justin: Velho? Eu sou velho?
Carly: Sim. É.
Justin: Tem certeza? - Ele começou a fazer cócegas em mim.
Carly: Pa..ra..por..favor. - Disse em meio aos risos.
Justin: Só se você me der um beijo.
Carly: Tá bom, tá bom. - Ele parou de fazer cócegas e ficou em cima de mim, me prendendo para não fugir.
Justin: Agora meu beijo.
Carly: Ok. - O beijei. Um beijo longo e calmo.
Justin: Tenho que ir agora, shawty. - Ele disse quando partiu o beijo.
Carly: Ah, tudo bem. 17 horas amanhã né?
Justin: Sim. Venho te buscar.
Carly: Ok.
Justin acariciou Bob e depois eu o levei até a porta. Me despedi dele e então fui colocar um pijama. Iria dormir cedo hoje.
Deitei e dormi bem rápido.

Desculpem a parte da música ter ficado branco. Eu não consegui tirar. 5 comentários pro próximo.

IB: Little London Girl - Capítulo 20

6 comentários: | |
Carly: Austin, eu confio em você e preciso te contar uma coisa. - Nós estávamos sentados em frente a casa dele.
Austin: Pode falar.
Carly: Mas prometa não contar pra ninguém.
Austin: Eu prometo.
Carly: É sobre eu e Justin. Nós estamos namorando.
Austin: Eu já imaginava. - Ele disse sorrindo.
Carly: Mas como? Poucas pessoas sabem.
Austin: Tem várias fotos de vocês na internet. Quase todo mundo já sabe.
Carly: Nossa. Eles são rápidos.
Austin: Eu fico feliz em saber que meu ídolo namora alguém legal e que o faz feliz.
Carly: Você é uma ótima pessoa Austin. - O abracei. Algumas meninas vieram até nós. Elas usavam blusas do Austin. ( Blusa Garota 1 - Blusa Garota 2)
Garota 1: Austin, podemos tirar uma foto com você?
Austin: Claro. - Eles tiraram a foto.
Garota 2: Hey, você não é aquela amiga do Justin Bieber?
Carly: Sou eu sim. - Disse e sorri.
Garota 2: Podemos tirar uma foto com você também?
Carly: Claro. - Tiramos a foto.
Garota 1: Você e Justin formam um lindo casal. Se vocês estiverem namorando eu vou ficar muito feliz.
Carly: Obrigada. - Sorri e depois elas abraçaram Austin e eu. Depois foram embora.
Austin: Você tá ficando famosa.
Carly: Isso me assusta. - Ele gargalhou.
Austin: Tenho que entrar Carly. Vou sair com meu pai.
Carly: Ok. Vamos fazer o trabalho que horas?
Austin: Depois da escola.
Carly: Ok. Tchau.
Austin: Tchau. - Ele me abraçou e eu fui para casa. Minha mãe estava dormindo no sofá. Ela iria começar a trabalhar amanhã, em seu novo emprego.
Entrei em silêncio e fui para o meu quarto. Coloquei Bob em sua cama e fui usar o computador. Entrei no twitter e tinha várias mentions sobre mim e Justin. Tinha várias notícias, mas uma me chamou atenção.

"Carly Miller e Austin Mahone? Hoje a tarde Carly Miller, possível namorada de Justin Bieber, foi vista com Austin Mahone em uma rua de Los Angeles.  Os dois estavam conversando e pareciam muito animados. Algumas fãs pararam para falar com eles. Será que Justin Bieber sabe disso?"

Será que eles não cansam de inventar? Austin é me amigo e Justin sabe disso. Espero que esses paparazzis não atrapalhe minha vida.
Fiquei mais um pouco na internet respondendo algumas pessoas e depois fui tomar banho. Estava fazendo frio então vesti uma roupa quente.
Meu celular tocou assim que saí do banho.


~ligação on~
Justin: Oi shawty.
Carly: Oi bebê.
Justin: Eu já terminei meus compromissos pra hoje e vou aí pra gente comer a pizza que eu estou levando. Já estou chegando.
Carly: Ok.
Justin: Tchau.
~ligação off~


Enquanto esperava Justin, fui pegar os pratos e talheres. A campainha tocou e era Justin.
Justin: Trouxe a pizza, refrigerante e o violão. - Ele me deu um selinho e levou as coisas pra cozinha.
Carly: Pra que o violão? - Disse enquanto colocava os copos na mesa.
Justin: Nós vamos tocar. - Ele colocou os pedaços de pizza nos pratos e eu servi o refrigerante.
Carly: Eu não sei tocar isso.
Justin: Eu vou te ensinar. - Nós sentamos.
Carly: Tá né. - Minha mãe chegou na cozinha depois, com cara de sono.
Justin: Quer comer pizza com a gente, Lauren?
Lauren: Não, obrigada. Vou só tomar um café.
Justin: Ok. - Minha mãe colocou café em uma xícara, esquentou no microondas e voltou pra sala.
Justin: Eu vi a notícia que publicaram na internet, sobre você e o Austin.
Carly: Justin, aquilo é mentira. Eu e Austin somos amigos e ele nunca faria isso com o ídolo dele.
Justin: Hey, não precisa se explicar. Eu confio em você. - Eu o beijei. Como ele consegue ser tão fofo, talentoso, lindo, carinhoso e ter várias outras qualidades?




5 comentários pro próximo.

07/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 19

5 comentários: | |
Entramos no carro de Justin e fomos até uma pet shop. Começamos a olhar algumas coisas e Justin fez questão de comprar várias coisas. Cama, brinquedos, roupas e até ração.
Carly: Sério que precisava disso tudo? - Disse enquanto estávamos no caminho, voltando pra casa.
Justin: Claro que sim.
Carly: Sério, não precisa ficar gastando seu dinheiro comigo. Eu sei o quanto você batalhou por ele.
Justin: Tudo bem. Às vezes eu não sei o que fazer com ele, por isso gasto com coisas inúteis.
Carly: Tenho certeza que não são inúteis.
Justin: Na maioria das vezes são. - Não o respondi. Ficamos em silêncio até chegar na minha casa.
Entramos e fomos até o meu quarto.
Coloquei a cama dele no chão, coloquei um pouco de ração e água e Justin colocou uma roupinha nele.

Justin: Acho que ele gostou. - Justin sentou na cama e ficou olhando ele.
Carly: É. - Peguei ele no colo e sentei do lado de Justin.
Justin: Vamos dormir um pouco? - Ele deitou.
Carly: Essa hora?
Justin: Sim. Ontem fui dormir tarde e acordei cedo. To com sono.
Carly: Ok. Vamos dormir. - Deitei com Justin e coloquei o Bob junto com a gente.
[...]
Acordei com o Justin me chamando.
Justin: Tenho que ir shawty.
Carly: Já?
Justin: Sim. Tenho alguns compromissos. Mais tarde eu te ligo.
Carly: Ok. - Justin me deu um beijo e saiu.
Não iria conseguir dormir de novo, então decidi dar uma volta pelo bairro, já que não conhecia muita coisa. Levaria o Bob no colo.
Andei um pouco e vi Austin em frente a casa dele. Fui até lá.
Carly: Hey Austin.
Austin: Oi Carly. Awn que lindo. É seu? - Ele acariciou o Bob.
Carly: É sim. Minha mãe comprou hoje.
Austin: Qual o nome?
Carly: Bob. - Ele apenas assentiu e voltou a brincar com o Bob.
Austin: E você? Tá fazendo o que?
Carly: Nada, estou apenas conhecendo o bairro. Quer vim comigo?
Austin: Claro. - Ele foi dentro de casa e voltou depois de alguns segundos. Andamos por vários lugares e ele me mostrou muitas coisas bonitas. Los Angeles é muito lindo. 

5 comentários pro próximo.

04/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 18 - Bob.

8 comentários: | |
Minha mãe estava almoçando. Dei um beijo nela e coloquei a comida no meu prato.
Lauren: Como foi a aula?
Carly: Foi legal. Conheci um garoto chamado Austin. Ele mora 4 casas antes da nossa e canta. Tem uma pequena fama aqui nos EUA.
Lauren: Que bom que está se adaptando aqui. E eu tenho uma novidade.
Carly: Conta logo.
Lauren: Eu consegui um emprego em uma empresa muito famosa e vou ganhar o triplo do que eu ganhava. Daqui a alguns dias vamos poder nos mudar para uma casa bem maior.
Carly: Que ótima notícia, mãe. Estou muito feliz pela senhora.
Lauren: Tenho que ir resolver algumas coisas. Não sai de casa até eu voltar. - Ela levantou e colocou seu prato na pia.
Carly: Ok. - Disse e fiquei ali terminando de almoçar. Coloquei a louça suja na pia e subi para tomar banho. Me vesti e peguei meu caderno, para fazer a lição de casa.
Tumblr_lz4nz7jk2b1qjzvcco1_500_large

Meu celular tocou e eu atendi.
~ligação on~
Carly: Oi bebê.
Justin: Oi shawty. Tá fazendo o que?
Carly: Lição de casa.
Justin: Vou para a sua casa. Pode?
Carly: Lógico. To te esperando.
Justin: Ok. Tchau.
~ligação off~

Continuei fazendo a lição e a campainha tocou depois de alguns minutos. Fui atender e era Justin.
Justin: Já terminou a lição?
Carly: To quase. Vamos lá pra cima. - Subimos a escada de mãos dadas e Justin sentou na cama.
Justin: E como foi a sua aula hoje?
Carly: Foi legal. Conheci um garoto que é seu fã.
Justin: E ele sabe que nós namoramos?
Carly: Não contei, mas ele viu a foto que tiramos no Mc Donalds. Você deve conhecer ele.
Justin: Qual o nome?
Carly: Austin Mahone. Acho que é esse o sobrenome dele.
Justin: Já vi alguns covers dele, mas nunca o conheci. Ele canta bem.
Carly: Vou ver alguns. - Fechei meu caderno e liguei o notebook. Já tinha terminado a lição.
Justin: Assiste Mistletoe e Someone Like You. São os que eu mais gostei. - Assenti e pesquisei o vídeo. Comecei a assistir e realmente ele canta muito bem.
Carly: A voz dele é muito linda.
Justin: E a minha? - Ele fez bico.
Carly: Seu bobo, óbvio que eu prefiro a sua voz. - Disse e lhe dei um selinho, me deitando ao seu lado logo depois. Justin me envolveu em um abraço. Ficamos conversando.
Carly: É tão estranho isso.
Justin: O que?
Carly: Há 1 semana atrás eu estava no meu quarto, chorando porque achava que nunca ia te encontrar e agora eu estou aqui, abraçada com você. Milhões de meninas queriam estar no meu lugar.
Justin: Foi você por quem eu me apaixonei. - Ele me beijou.
Justin: Posso te fazer uma pergunta?
Carly: Sim. 
Justin: Você apoiava meu namoro com Selena?
Carly: Sinceramente, não.
Justin: Posso te fazer outra pergunta?
Carly: Sim.
Justin: Você já chorou por mim?
Carly: Todas as vezes que ia dormir. - Justin me beijou novamente. Como era bom estar ali com ele. Sempre foi o meu sonho e agora ele se realizou.
[...]
Ouvi a porta abrir e alguém subir. Era minha mãe.
Lauren: Carly, Justin está aí? - Ela gritou lá de baixo.
Carly: Sim. - Gritei.
Lauren: Venham aqui. Eu comprei algo pra você. - Eu e Justin descemos e quando chegamos lá, minha mãe segurava uma caixa com um lindo filhote de cachorro dentro.
Qtvee_large

Carly: Awn, que lindo mãe. - Peguei o cachorrinho e fiquei fazendo carinho.
Lauren: Você precisa escolher um nome.
Carly: Ok. Vamos lá pra cima. - Voltamos para o meu quarto. Justin sentou na cama segurando o cachorro e eu sentei do seu lado.
Justin: Como ele vai se chamar?
Carly: Bob.
Justin: Bob é legal. Gostei. - Eu sorri.
Carly: Vou deixar ele no pufe enquanto não compro uma caminha pra ele.
Justin: Vamos agora.
Carly: Agora?
Justin: Sim, mas eu compro. Presente.
Carly: Tem certeza?
Justin: Anda logo. - Ele me empurrou até meu guarda-roupa. Me deu um selinho e saiu do quarto.
Peguei uma roupa e a vesti.
420703_262913277117269_262654000476530_577477_2130038086_n_large

5 comentários para o próximo.

02/04/2012

IB: Little London Girl - Capítulo 17 - Primeiro dia de aula.

8 comentários: | |
Tumblr_lnwgr7ipzt1qzt8yio1_500_large

Meu celular despertou às 7h30min. Levantei, tomei banho e me vesti.
Tumblr_m1ejigtcgi1rnia9do1_500_large

Peguei minha mochila e desci para tomar café. O ônibus passaria para me buscar às 8h20min. Terminei meu café e fui escovar o dente. O ônibus chegou quando eu estava descendo. Entrei e me sentei. Peguei meu iPhone e coloquei algumas músicas do Justin para tocar. O ônibus não demorou a chegar. Peguei minha mochila e fui até a sala do diretor, para pegar meu horário. Bati na porta e ele mandou entrar.
Carly: Oi. Eu sou nova aqui e vim pegar meus horários.
Diretor: Qual o seu nome?
Carly: Carly. Carly Miller.
Diretor: Prazer, eu sou o diretor Richard. - Ele me cumprimentou e em seguida revirou alguns papéis em uma gaveta.
Richard: Aqui está seu horário. Vem, vou te levar até sua sala. - Ele saiu e eu o segui.
O diretor bateu na porta de uma sala e uma mulher bonita e simpática abriu.
Richard: Essa é Carly Miller. Ela é nova aqui. Apresente ela aos alunos e peça para algum deles lhe mostrar a escola. E Carly, essa é Brigitte, sua professora de Geografia. - Eu assenti e ele saiu.
Brigitte: Alunos, essa é Carly Miller. Ela é nova aqui. Espero que a tratem muito bem. Apresente-se Carly.
Carly: Meu nome é Carly, tenho 15 anos e eu morava em Londres. Me mudei pra cá tem 3 dias.
Brigitte: Seja bem-vinda Carly. Sente-se ali. - Ela apontou para uma cadeira atrás de um menino, muito bonito por sinal.
Me sentei e peguei meu caderno, para começar a copiar a matéria.
xXx: Olá. - O menino virou para falar comigo.
Carly: Oi. - Disse envergonhada.
xXx: Meu nome é Austin.
Carly: Muito prazer.
Austin: O prazer é meu. - Ele disse e voltou a olhar pra frente.
427138_294449730620485_100001663813804_730506_1021618429_n_large423764_2986227290789_1115234095_42673923_1259079349_n_large

Brigitte: Austin, você poderia mostrar a escola para Carly?
Austin: Sim.
Brigitte assentiu e voltou a passar a matéria no quadro. Não demorou a chegar a hora do intervalo. Peguei minha mochila e saí da sala. Fiquei caminhando pelos longos corredores da escola procurando meu armário, o número 135. Não era tão longe da sala e era perto de um bebedouro. Perfeito.
Austin: Acho que vamos ser vizinhos de armário. - Ele disse revirando o armário dele.
Carly: Bom saber que vai ser alguém legal. - Ele sorriu.
Austin: Vamos? Vou te mostrar a escola.
Carly: Ok. - Segui Austin. Ele me mostrou vários lugares. Sala de música, refeitório, biblioteca, banheiros, laboratório de química, laboratório de informática, quadra de esportes, piscina, etc.
Ficamos sentados em um banco, no pátio da escola e muitas garotas nos olhavam e cochichavam. Deve ser porque eu estou saindo com o Justin Bieber.
Austin: Sua próxima aula é de que?
Carly: Inglês.
Austin: A mesma que a minha.
Carly: Legal. - Disse e peguei meu iPhone, para ver se tinha alguma mensagem ou ligação.
Austin: Você é Belieber? - Ele provavelmente viu a foto do meu papel de parede, que era uma foto minha com o Justin, minha mãe e Kenny, que tiramos no Mc Donalds.
Carly: Sim. Porque?
Austin: Eu também sou, quer dizer, sou Boylieber, mas nunca tive a oportunidade de conhecê-lo. Ele me segue no Twitter, mas deve ser porque eu tenho uma certa fama aqui nos EUA.
Carly: Como assim uma certa fama?
Austin: Eu canto e já fiz algumas apresentações. Tenho várias fãs, mas não sou tão famoso igual ele.
Carly: Jura? Vou procurar vídeos seus na internet hoje.
Austin: Pode ver. - Ele sorriu.
O sinal para entrarmos tocou.
Austin: Temos que ir. O professor de inglês não é muito amigável. - Ele deu uma gargalhada. O segui até a sala e me sentei no mesmo lugar da outra aula.
Professor: Parece que temos uma aluna nova. Qual o seu nome?
Carly: Carly Miller.
Professor: Me chamo James. Muito prazer. - Sorri.
James: Faremos um trabalho em dupla para ser entregue na semana que vem. Eu irei formar as duplas. - Ele começou a formar as duplas e por sorte, eu iria fazer com Austin.
[...]
As aulas passaram bem rápido. Passei no meu armário para guardar meus livros e fui para o ônibus. Me sentei em um banco vazio.
Austin: Olá. - Ele sentou do meu lado.
Carly: Oi Austin.
Austin: Acho que moramos perto. - Ele sorriu.
Carly: É verdade. E quando vamos fazer o trabalho?
Austin: Pode ser amanhã, na sua casa?
Carly: Ok. Pode me passar seu número? - Entreguei meu celular à ele e ele anotou o número. Fiz o mesmo no celular dele.
O ônibus chegou rapidamente à minha casa. Desci do ônibus e Austin veio atrás.
Carly: Tá me seguindo?
Austin: Não, eu moro ali. - Ele apontou para uma casa grande e muito bonita.
Carly: Jura? Eu moro a 4 casas da sua. É aquela. - Disse e apontei para a minha casa.
Austin: Legal. Tenho que ir. Tchau Carly.
Carly: Tchau.
Me despedi de Austin e fui para casa.


5 comentários pro próximo.